Doce Vampiro
BEM VINDO!!!!

Registre-se, ou faça seu login, e divirta-se conosco!!!
Doce Vampiro

Quando o leão se apaixona pelo cordeiro...
 
InícioInício  GaleriaGaleria  Registrar-seRegistrar-se  LoginLogin  
Buscar
 
 

Resultados por:
 
Rechercher Busca avançada
Últimos assuntos
» Rising Sun(Sol Nascente) A história de Renesmee
Sab 24 Maio 2014, 21:15 por janaisantos

» NightFall Continuação da Fic Rising Son (Sol nascente) A história de Renesmee
Sab 24 Maio 2014, 20:23 por janaisantos

» Cullen Favorito (fora o Ed)
Seg 20 Maio 2013, 02:10 por Claudia Coleridge

» Se você pudesse viver para sempre, pelo que valeria a pena morrer ?
Sex 26 Abr 2013, 07:51 por saracullen

» New Night .... trilhando novos caminhos
Sex 26 Abr 2013, 07:29 por saracullen

» Nova por aqui!
Ter 19 Mar 2013, 21:42 por Vitoria Lazar

» Recém Chegada
Ter 19 Mar 2013, 21:38 por Vitoria Lazar

» Parede de sangue
Ter 08 Jan 2013, 08:44 por Marina cullen

» O Vampiro que descobriu o Brasil
Qua 21 Nov 2012, 18:32 por Ivinny Viana Barbosa

» Vampirismo
Ter 20 Nov 2012, 19:18 por Gaby D. Black

» O que você faria...?
Ter 20 Nov 2012, 18:54 por Gaby D. Black

» [Fic] Sol da meia-noite
Qui 15 Nov 2012, 09:34 por Gaby D. Black

» Qual foi sua cena preferida em Amanhecer ??
Qui 05 Jul 2012, 14:09 por G@by Swan

» Primeiras imagens de Amanhecer - Parte 2
Qui 05 Jul 2012, 13:45 por G@by Swan

» The Emotionless Shadow | Tudo Tem Um Preço
Dom 27 Maio 2012, 18:00 por gisamachado

» FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia
Dom 27 Maio 2012, 15:48 por Tânia

» Solstice, the sequence of Blizzard | Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.
Dom 27 Maio 2012, 14:46 por Yasmim L

» As mudanças do cabelo de Edward
Qua 23 Maio 2012, 22:09 por celina62

» O que você mudaria no Rob?
Sab 14 Abr 2012, 20:48 por Marina cullen

Navegação
 Portal
 Índice
 Membros
 Perfil
 FAQ
 Buscar
Fórum Irmão

Compartilhe | 
 

 FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5 ... 11, 12, 13  Seguinte
AutorMensagem
Yasmim L
Conhecendo a história de Jasper
Conhecendo a história de Jasper


Idade : 21
Número de Mensagens : 371
Data de inscrição : 19/04/2010
Localização : Brincando com a "comida" nos becos de Volterra com Alec e Demetri... 666'

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Qui 24 Nov 2011, 13:49

kkkkkkkkkkkkkkkk tadinah da tekka ela mal tem tempo de ler a minha *-*
mas quando dá ela passa no topico da sara,
pq agente acompanho o desenvolvimento da fic e tals..
mais vo ver com ela assim q possivel =D

uau minha leah gatona deu uns pega no jake e quando o
alec pega a nessie ela vai partir pra cima do caramelo é isso?
/tenho imaginação fertil ,, não é a toa que escrevo fic kkkkkkkk

cherin de vamp no ar *-* meu alec dando umas caçadas


e hum esse jake é tão safado menina,

ele e o karl fariam uma boa farra na epoca de solteiros não? Twisted Evil

esperando pelo proximo cap, sara saudads de vc aki meninaa Cool
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.deciphermee.tumblr.com
Eme_Sra.Black
No baile de Fork's High
No baile de Fork's High


Idade : 31
Número de Mensagens : 179
Data de inscrição : 19/09/2011
Localização : Olhando o mar do penhasco em La Push...

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Qui 24 Nov 2011, 14:34

kkkkkkkkkkkkk...é verdade mym...meu Jake e o seu Karl fariam uma dupla matadora de corações....eles iam pegar geral....

Myyyyyyyyyyyymmmmmmmmmmm eu tava brincando sobre a Tekka, não tem problema algum flor....eu sei q ela qse não vem, eu só tava fazendo uma brincadeira tonta com ela, para distrair...kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk...........DESCULPA TEKKA....

É mym....é real.....é cheiro de Alec na minha fic...ele mais pra frente vai ter uma enfase maior....mas ele é MUITO MAL....na minha fic...pelo menos no início....depois ele fica bonzinho...hehehe...mas só muuuuuuuito lá na frente.....

bjobjobjobjobjobjo
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://cenografia3d.blogspot.com
Yasmim L
Conhecendo a história de Jasper
Conhecendo a história de Jasper


Idade : 21
Número de Mensagens : 371
Data de inscrição : 19/04/2010
Localização : Brincando com a "comida" nos becos de Volterra com Alec e Demetri... 666'

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Qui 24 Nov 2011, 18:19

nada linda, eu só explikei pq como ela nun anda muito por aki
eu meio q virei uma porta-voz dela.... Rolling Eyes
-sou bonzinho e não uso palavrões no fórum alheio- faz um bom tempo q eu não falo com ela, tô com uma saudadd Sad

jake e karl.. os pervos de plantão

cherin do alec? me deu até vertigem kkk', Razz
meu fofo vai ser mau? amo badguys Cool
fika bonzin? oin ele tá gostando da nessie néah?
ele qr o sangue docin dela ou é amor?


esperando ansiosamente pelo proximo cap
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.deciphermee.tumblr.com
Eme_Sra.Black
No baile de Fork's High
No baile de Fork's High


Idade : 31
Número de Mensagens : 179
Data de inscrição : 19/09/2011
Localização : Olhando o mar do penhasco em La Push...

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Seg 28 Nov 2011, 08:44

Mymmmm.............já que a Sara num vem mais por aqui.... Sad

somos só vc e eu por enquanto...ENTÃO A PRÉVIA É ESPECIAL PRA VC!!!!!!!! nv*1

Prévia:

– Que cheiro é esse? – ele perguntou cheirando mais a minha cintura. – Parece....não pode ser...tá bem fraco...e misturado ao seu, mas parece aquele maldito cheiro...como ela conseguiu isso? Como conseguiu ficar com o cheiro aqui? – Ele falava consigo mesmo, como se eu não estivesse ali.


– Jake, eu preciso de um minutinho para tomar um banho e já volto. Ta tudo bem? De que cheiro você está falando? – eu realmente não tinha entendido nada.


– Não é nada amor, é que eu senti um cheiro não muito bom que eu já conhecia mas não deve ser você não...esse maldito cheiro que ficou impregnado no meu nariz...que coisa nojenta...num sai de jeito nenhum... – ele falou voltando a beijar minha boca enquanto subíamos para o quarto.


– Vou só tomar um banho rapidinho e já volto – falei dando um selinho nele e saindo. – Você ta sentindo cheiros de mais hoje hein...queria eu ter esse olfato – eu falei rindo e ele riu também
__________________________________________________________________

Sei não viu.....

O Jake vai descobrir essa história de cheiro aí e vai dar me&%da...kkkkkkkkkkkk.....

obrigada por sempre estar por aqui Mym.....deixa a vovó MUITO FELIZ!!!!!!!! cheers

Sei que vc faz um esforcim pra prestigiar minha escrita, amo vc por isso.......

bjobjobjobjobjo
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://cenografia3d.blogspot.com
Yasmim L
Conhecendo a história de Jasper
Conhecendo a história de Jasper


Idade : 21
Número de Mensagens : 371
Data de inscrição : 19/04/2010
Localização : Brincando com a "comida" nos becos de Volterra com Alec e Demetri... 666'

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Ter 29 Nov 2011, 12:51

hum jacob sentindo o cheirin do alec >< amei essa
nessie com cheiro do alec? Suspeito


menina má.


mas é claro q eu sempre estou por aqui... amo esse lugar meninaa
meu pequeno pedacinho de paradise
onde os sonhos mais doidos viram realidade.. ou qause isso kkkkkk


olha qro cap eim!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.deciphermee.tumblr.com
Eme_Sra.Black
No baile de Fork's High
No baile de Fork's High


Idade : 31
Número de Mensagens : 179
Data de inscrição : 19/09/2011
Localização : Olhando o mar do penhasco em La Push...

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Qui 01 Dez 2011, 13:35

Amigaaaaaaaaaaassss..........Cap novoooo...........
conversamos lá embaixo!!!!



Capítulo 12 – Felicidade Mata?


Quando vi o carro do Jake parado em frente a minha casa eu tremi toda de nervoso – “Ele veio....que bom....não acredito....ele não me abandonou...ele não foi embora...ele veio me ver.....uhuuuu” – eu dava gritinhos de felicidade por dentro, eu tive muito medo dele sumir de novo, mas não, ele veio, eu embiquei o carro na minha garagem de qualquer jeito e desci, ele vinha em minha direção.

Eu quase tive uma síncope quando o vi chegar mais perto e percebi que ele havia cortado o cabelo e conseguiu – Não sei como – ficar mais gato incrível que antes – OH GOD – não tinha jeito de ficar mais bonito e ele conseguiu..... – Caramba Nessie, você tem muita sorte...mas por favor, não desmaie agora – eu pensei comigo mesma.


– Oi minha princesa...vim te fazer uma visitinha surpresa – ele falou abrindo um sorriso torto maravilhoso, meu sorriso favorito.


Ele se aproximou e colou seus lábios no meu, de início macio e suave e depois mais forte roçando sua língua em brasa na minha.


– Nossa....oi....se for para ter essa recepção quero me despedir toda hora...- eu falei respirando com dificuldade, e rindo, essa aproximação acabou com meu equilíbrio.

– Ainda bem que tenho braços fortes, essa é a reação que você tem quando eu estou bem perto?.. – ele falou com a voz rouca no meu ouvido.


– Ai Deus, estava com tanta saudade de você e das reações que causa em mim – falei lembrando do calor que estava sentindo no meu baixo ventre que já estava ficando úmido. De novo.


– Hummm.....eu gosto assim, de sentir esse cheiro... – ele falou me beijando de novo me puxando mais contra seu corpo me deixando totalmente em brasa.


– Humm.....que cheiro? – eu perguntei arfando.


– Da sua excitação Ness, você é deliciosa, não consigo chegar perto de você, olha só como eu fico.. – e se apertou contra mim, me deixando sentir seu sexo rígido.


– Da minha o quê?...eu não acredito que você consegue sentir esse cheiro?... – eu falei corando muito, quase morri de vergonha, era só o que me faltava, agora se eu ficasse excitada, ele saberia na mesma hora....privacidade zero..


– Calma meu amor....você é minha, não há com o que se preocupar, eu sou seu também. – ele falou tocando em meu rosto com muito carinho.


Jake sabia ser sexy, HOT e mega romântico e carinhoso, tudo ao mesmo tempo, eu me sentia meio entorpecida ao lado dele como se estivesse em constante bebedeira. Não sei se era essa aura sobrenatural que emanava dele que me fazia pirar, mas o jeito que ele falava, a voz dele, o cheiro dele, a pele dele, o gosto dele....era tudo perfeito pra mim, eu ficaria aqui horas discursando os efeitos que Jacob Black causava na minha pessoa. Mas nesse momento ele me puxou para dentro de casa. Me parou no meio da escada, me agarrando pelas costas e beijando meu pescoço, descendo seus beijos pelas minhas costas, chegando na minha cintura, eu mordi o lábio de expectativa, mas aí ele parou.

– Que cheiro é esse? – ele perguntou cheirando mais a minha cintura. – Parece....não pode ser...tá bem fraco...e misturado ao seu, mas parece aquele maldito cheiro...como ela conseguiu isso? Como conseguiu ficar com o cheiro aqui? – Ele falava consigo mesmo, como se eu não estivesse ali.


– Jake, eu preciso de um minutinho para tomar um banho e já volto. Ta tudo bem? De que cheiro você está falando? – eu realmente não tinha entendido nada.


– Não é nada amor, é que eu senti um cheiro não muito bom que eu já conhecia mas não deve ser você não...esse maldito cheiro que ficou impregnado no meu nariz...que coisa nojenta...num sai de jeito nenhum... – ele falou voltando a beijar minha boca enquanto subíamos para o quarto.


– Vou só tomar um banho rapidinho e já volto – falei dando um selinho nele e saindo. – Você ta sentindo cheiros de mais hoje hein...queria eu ter esse olfato – eu falei rindo e ele riu também.


– Estarei aqui te esperando – ele falou de forma sexy.


Tomei um banho razoavelmente rápido, não agüentava a expectativa de ter Jacob no meu quarto me esperando e eu aqui. Saí do banho e fui de toalha mesmo para o quarto. E tive a visão dos céus. ELE ESTAVA SÒ DE CUECA BOXER BRANCA NA MINHA CAMAAAAAAAAAA.

– Humm...estou tendo a visão de um Deus grego só pra mim – falei mordendo meus lábios.

– É mesmo, e eu estou tendo a impressão que vou passar várias horas dando prazer para Afrodite – ele falou enquanto me olhava com olhos de desejo mordendo seu lábio inferior – Vem Diaba, vem pro seu alfa.


Aquela visão foi demais pra mim, já estava toda excitada, joguei minha toalha no chão e me joguei em cima da cama. Esse homem não faz idéia da diaba que eu podia ser, ele despertou meu lado pervertida, agora aguenta.


Nós fizemos amor de forma incrível, nossos corpos se encaixavam com uma perfeição descomunal, cada toque de Jake em meu corpo me fazia perder o fôlego e ele era muuuuito bom em me tocar, beijar, lamber, enfim, muito bom mesmo. Aliás só a sua voz me deixava loucamente excitada, não sei como seria daqui pra frente, mas seria capaz alguém morrer de tanto amor? Ou morrer fazendo tanto sexo? Porque tenho certeza que não ia parar por aqui, meu corpo respondia ao dele, nós estávamos ligados, em sincronia. Agora ia ser difícil nos parar. Eu ri por dentro, tamanho meu tesão por ele, só de olhar pra ele pelado eu acho que já conseguiria ter um orgasmo. Mas agora deitada em seu peito ouvindo sua voz conversando trivialidades comigo, eu percebi que não o amava esse tanto só no sexo não. Era um conjunto de maravilhas que formavam esse semi Deus castanho avermelhado, ele era atencioso, carinhoso e divertido. Enquanto ele falava sobre um carro incrível que chegou na oficina dele eu me lembrei de uma coisa e dei um pulo na cama.

– Jake!!- eu falei com pressa


– O que foi Ness, aconteceu alguma coisa? – ele se sobressaltou preocupado.


– Não é nada, é só que.....eu sei que a gente não estipulou níveis de relacionamento, eu nem posso te cobrar nada, aliás eu prometo me comportar...mas é que hoje de manhã, eu fiquei meio brava quando eu percebi que nem peguei o número do seu telefone, nem celular, nem e-mail, nem facebook, nada disso, eu até tomei a liberdade de passar na frente da sua oficina e pegar o telefone da placa de lá..- eu falei meio envergonhada, era muito ruim tocar nesse assunto, enquanto estávamos assim, nus, mas tinha que aproveitar que ele estava aqui né...daqui a pouco ele ia embora e eu ia ficar como?


– Ahhh...é isso...ô meu amor, desculpe por isso..é que.. – ele começou mais eu o interrompi.


– Não precisa se preocupar, eu não sou nenhuma maluca, que fica ligando e indo atrás das pessoas, é só pra manter contato sabe...esporadicamente....caso você suma... – eu falei essa ultima parte com voz embargada, isso realmente me deixava mal, eu o amava, nós trocamos juras de amor e tudo, mas nós não firmamos nada, logo eu não poderia cobrar nada dele.


– Ness, olha pra mim – ele pegou em meu rosto e me olhou com intensidade, não consegui esconder as lágrimas que se formavam em meus olhos. Com Jake, era tudo muito intenso, desde o início – Espere um minuto – ele disse e saiu da cama andando em direção as suas roupas que estava em cima de uma poltrona no quarto.


A visão dele andando nu, com aquele corpo perfeito e definido quase me desviou a atenção daquele momento maluco e tenso que eu criei desnecessariamente porque eu sou uma imbecil.

E quando ele se virou eu percebi que ele vinha com a mão pra trás.

– Fecha os olhos Nessie, tenho algo para você. – ele falou com uma voz mandona e ao mesmo tempo doce...como ele conseguia?

Eu fechei, ele parou em frente a cama e esperou um momento. Eu estava quase tendo um AVC de ansiedade quando ele falou

– Abra os olhos minha vida.


Quando abri, ele estava ajoelhado no chão em frente a cama, em frente onde eu me encontrava com uma caixinha aberta onde um anel LINDOOOO....que brilhava para mim, ele tinha um lindo formato de coração vazado e no centro tinha uma pedra marrom meio amarelo escuro, um topázio. Eu fiquei paralisada olhando o anel, sua voz me tirou do transe quando ele falou.


– Renesmee Cullen, você aceita ser minha namorada oficialmente e usar esse anel de ouro branco com topázio que comprei com muito amor e carinho, sem tirar hora nenhuma do seu dedinho, como forma de comprometimento? – ele perguntou com a caixinha tremendo um pouco em suas mãos.

Isso foi a coisa mais romântica e linda que de longe alguém já tenha feito para mim.


– É claro que aceito....Jacob Black...você acaba de fazer...de mim...a..p..p..pessoa m..m..mais feliz de t ..todo o o o ...mundo – eu já estava chorando muito nessa ultima parte não estava quase conseguindo terminar a frase.


Nosso momento foi assim, eu pelada em cima da cama, ele pelado e ajoelhado no chão, eu chorando, ele sorrindo todo bobo.

Ele colocou o anel com cuidado em minha mão direita e eu pulei em cima dele rindo muito enquanto nos beijávamos, sim, eu era feliz, muito feliz nesse momento.

Ele me abraçou novamente me carregando para o banheiro e tomamos banho juntos, ele colocou a roupa que ele usava e eu pus uma camisola enquanto ele falava.


– Namorada, você precisa se alimentar e dormir cedo, não quero que o nosso amor interfira em sua saúde de forma ruim, não mesmo, se veste e enquanto você se arruma eu vou ver o que tem na despensa e fazer um lanche rápido para nós o que acha? – ele falou piscando para mim...ai meu Deus....como eu amava esse homem tanto...em tão pouco tempo.

– Humm...namorado, eu estou realmente com fome, mas antes de dormir, podíamos assistir um filme, o que achas? – perguntei esperando um sim do fundo do meu coração, eu sabia que depois disso, ele ia embora, para sua caçada a “vampiros”

– Ok, perfeito, lanche vendo filme com você, é mais do que eu poderia querer numa noite – ele falou saindo

– Fazer amor também está no pacote? – eu gritei enquanto ele descia as escadas rindo alto da minha brincadeira


Quando desci, ele estava fatiando um queijo, enquanto esquentava uma frigideira. E abria um pacote de pão.


– Humm, acho que vou ter que ir com você a próxima vez que for ao mercado, não tem nada saudável nessa despensa, o jantar hoje vai ser queijo quente, vou cuidar de você meu amor, quero você saudável – ele falou me lançando um olhar intimidador.

– Eu vou adorar fazer compras com você – eu o abracei por trás, beijando suas costas.

– Que filme vamos assistir? – ele me perguntou enquanto passava manteiga num pão e enchia de queijo.


– Não tenho muitos, mas o que você acha de O Senhor dos Anéis? – eu lembrei que tinha esse filme na casa dele, se fosse dele, eu saberia agora.


– Hum, adoro esse filme é um dos meus favoritos, mas é um pouco longo demais amor, não tem outro?


–Bom...tem um de suspense que é muito bom, vi só o começo, depois parei.


– Ok, parece bom, vamos ver esse – ele falou colocando o sanduíche na frigideira e virando pra me dar um beijo carinhoso.


Eu nunca iria conseguir me acostumar com isso. Eu estava no sofá, enchendo minha boca com um sanduíche de queijo muito bom, tomando refrigerante enquanto assistia filme ao ladinho do Jacob Black (veja e morra de inveja MEU NAMORADO). Depois que comemos e o filme acabou, a gente ficou ainda um tempo na sala, se beijando, se amando, se abraçando, se cheirando.

Eu já estava com saudade dele só de pensar que ele ia se afastar de mim, que eu só o veria em outro dia.

Ele me deu o número do seu celular, mas me avisou que quando está fazendo a ronda ele não leva, mas no resto do dia está com ele, para eu ligar a qualquer hora, por qualquer motivo. Ele disse que amanhã ia me levar na reserva, o que me deixou mais tranqüila, saber que eu o veria novamente no dia seguinte e me deu uma ponta de felicidade apesar da minha pontada de tristeza pela distancia.


Me despedi dele com um beijo demorado e HOT na porta que quase o convenço a entrar e fazer amor comigo. Mas ele tinha os compromissos dele e foi embora – Hunf!!...coisas de alfa -

Eu subi para o meu quarto depois de limpar a bagunça da cozinha ele já tinha me ajudado a lavar a louça. Eu precisava falar com a minha família, eles provavelmente vão estar muito bravos, tem dois dias que eu não ligo, minha mãe vai me matar.

Quando peguei meu celular eu vi que já tinha cinco chamadas não atendidas. Disquei o número de volta e meu pai atendeu.

Expliquei que eu andava meio ocupada e falei sobre a casa nova e o meu trabalho novo para mudar o rumo da conversa.


– Err....pai, você consegue me colocar no viva voz eu quero que minha mãe também escute o que eu tenho para falar. – eu estava com medo, mas eu nunca menti para minha família, eu precisava contar que eu tinha um namorado. Olhei para o meu anel brilhando em meu dedo e esperei.


– Pronto filha, pode falar. – meu pai disse.


– Oi mãe


–Oi querida – minha mãe disse em tom amável


– Mãe, Pai...então, lembra daquele lual que eu falei para vocês, lá na praia de La Push? – eu comecei


–Sim – eles falaram em uníssono


– Bom, err...eu conheci um rapaz – meu pai me interrompeu


– Na reserva? Espero que seja algum turista, porque se for algum daqueles índios pé rapados que moram lá, está fora de cogitação – meu pai falou exasperado


– Mas pai...ele....- eu ia começar


– Eu não acredito que é um daqueles índios Renesmee, esse pessoal não tem onde cair morto, que futuro ele pode te dar?


– Edward, calma, não é assim, vamos conhecer esse rapaz primeiro, para depois pensarmos em alguma coisa – minha mãe falou graças a Deus.


– Ele é da sua idade querida? – ela continuou


– Ele tem 26 anos mãe, ele é um homem sério e trabalhador ele é professor na escola da reserva e...mecânico nas horas vagas....porque ama, sabe...


– Professor??? MECÂNICO??? – Meu pai estava mesmo bravo


– Edward, dinheiro não molda caráter, ele pode ser uma ótima pessoa, mesmo não tendo muito recurso. – obrigada mãe


– Bella, o mundo não funciona assim, nós estamos longe dela, esse cara aí não vai ter a mínima condição de manter o padrão de vida da nossa filha, porque eu obviamente vou cortar a mesada dela quando ela se casar com ele, aí eu quero ver se ela não se arrepende rapidinho..e quando vier os filhos então...


– Amor, Edward, não é assim, pare com isso...pensa um pouco – minha mãe tentava


– Nessie querida, eu tenho alguns contatos e tem alguns filhos de amigos meus que com certeza fariam você feliz e você teria uma vida boa, como você merece.


– Pai, eu sou feliz, eu estou feliz eu amo o Jake.


– Qual é o nome dele filha? – minha mãe perguntou


– Jacob Black mãe....o homem mais incrível que eu já vi na vida e ele me ama também e eu não to falando de casar e ter filhos logo não pai, to falando de um namoro que começou hoje...ele me pediu hoje em namoro, da forma mais linda, que nem antigamente sabe, com anel e tudo.... e eu liguei para compartilhar minha felicidade...e você fica esculachando ele pai.... – aí eu comecei a chorar, claro.


– Ta bom filha...não quero te ver triste, mas o quanto antes quero conhecer esse rapaz está bem? E nada dele dormir na sua casa mocinha, você tem família é uma menina de respeito – meu pai falou me advertindo.


– Ok, não se preocupe, ele me respeita muito mais que qualquer um possa imaginar. Obrigada pai, ele é especial...mesmo.... Mãe, te amo, depois quero conversar umas coisas a sós – eu falei já me recompondo.


– Pode deixar filha, a gente se fala mais pra frente, só eu e você.


– Não estou gostando dessa conversa Bella, ta me cheirando a coisa ruim, olha lá hein Renesmee, você e esse Jacob, não sei não, foi só ele entrar em sua vida e você já ficou dois dias sem nos ligar – meu pai era tão ciumento.


– Isso é verdade Renesmee, nisso o seu pai tem razão. – ela falou concordando


– Ta bem pai, mãe, beijo para vocês dois, manda beijo para toda a nossa família também ta....amo todos vocês, fala pra tia Rosalie que estou com saudades e diz pra tia Alice que meu senso de moda está caindo com ela longe mim....e eu prometo que vou ligar direitinho...beijo para todos.


Desliguei me sentindo melhor, apaguei a luz e abri a janela (vai que meu lobo mal resolve pular a janela – eu ri) liguei a luz do abajur e fiquei olhando o meu anel, que brilhava intenso, assim como os olhos do meu amado, do meu namorado, suspirei aliviada, ele era meu, ele me chamava de minha, eu o amava, ele me amava, nós nos encaixávamos, eu estava plena e feliz....feliz demais, era possível morrer de felicidade? Com o coração batendo tão forte assim era bem capaz. Meu celular vibrou me acordando dos meus devaneios e eu li uma mensagem:


“Oi namorada, passei pra te mandar um oi, te desejar boa noite e dizer que te amo e que claro, já estou com saudades. Bjo na boca. Seu Jake.”


Ok, eu estava enganada....agora sim eu estava prestes a morrer de felicidade.


________________________________________________________

Só pra lembrar.......no cap 10, a Nessie foi pegada pela cintura pelo Alec antes de voltar pra casa...hehehe...por isso ela estava com cheirinho de vampiro....kkkkkkkkkkkkkk

e aí!!!!!!!!
quero coments....pleeeeeeeaaase!!!!!!!

Mym.......cap. q vem vai ser bombástico...sério hehehe...
vou ver se sabado eu coloco a prévia aqui...!!!!!!!
bjojo;........netinha fofaaaaa!!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://cenografia3d.blogspot.com
Yasmim L
Conhecendo a história de Jasper
Conhecendo a história de Jasper


Idade : 21
Número de Mensagens : 371
Data de inscrição : 19/04/2010
Localização : Brincando com a "comida" nos becos de Volterra com Alec e Demetri... 666'

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Qui 01 Dez 2011, 15:15

"– Na reserva? Espero que seja algum turista, porque se for algum
daqueles índios pé rapados que moram lá, está fora de cogitação – meu
pai falou exasperado"

"– Eu não acredito que é um daqueles índios Renesmee, esse pessoal não tem onde cair morto, que futuro ele pode te dar?"

"– Professor??? MECÂNICO??? – Meu pai estava mesmo bravo"

"–
Nessie querida, eu tenho alguns contatos e tem alguns filhos de amigos
meus que com certeza fariam você feliz e você teria uma vida boa, como
você merece."

kkkkkkkkk ri alto com o edward... cap muitooo fofo e pervertido
esssa nessie tá palho duro pra minha elle eim...meninaperva
kkkkkkkkk
qro alec ..... alecalecalec..... kkkkkkkkkk
/agora já era eu só vo qrer saber do alec.
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.deciphermee.tumblr.com
Eme_Sra.Black
No baile de Fork's High
No baile de Fork's High


Idade : 31
Número de Mensagens : 179
Data de inscrição : 19/09/2011
Localização : Olhando o mar do penhasco em La Push...

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Sex 02 Dez 2011, 15:19

se vc quer Alec meu bem....ficará feliz em saber que amanhã vou postar uma préviaaaaaaaaa;....

e advinha só...
próximo capa...



TEM ALEC E JAKE CARA A CARAAAAAAAAAA!!!!!!!!!!!!


uhuuuuu.....
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://cenografia3d.blogspot.com
Eme_Sra.Black
No baile de Fork's High
No baile de Fork's High


Idade : 31
Número de Mensagens : 179
Data de inscrição : 19/09/2011
Localização : Olhando o mar do penhasco em La Push...

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Sab 03 Dez 2011, 17:11

PREVIAAAAA!!!!!


"– Oi Alec, nossa eu estava tão distraída...nem vi você chegar – falei enquanto guardava meu jaleco no armário.


– Bom...desculpe pelo susto – ele riu – Mas me diga uma coisa, o que você estava pensando que estava tão distraída? – ele perguntou casualmente.


– Ah...não era nada na verdade, eu estava apenas me lembrando de chamar minha amiga e o namorado dela pra conhecer minha casa nova amanhã, estava pensando em fazer um churrasco e uma baguncinha – eu ri, imaginando a reunião, seria muito legal, Ange e Eric eram ótimas companhias.


– Nossa que legal, mas você não estava pensando em convidar ninguém do seu trabalho? Pra fazer uma confraternização de boas vindas pra você? – ele falou com um sorriso travesso nos lábios."


E aí Mym!!!!!!!!......acho que o Alec vai chegar chegando...kkkkkkk...
bjobjo da vovó!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://cenografia3d.blogspot.com
Eme_Sra.Black
No baile de Fork's High
No baile de Fork's High


Idade : 31
Número de Mensagens : 179
Data de inscrição : 19/09/2011
Localização : Olhando o mar do penhasco em La Push...

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Dom 04 Dez 2011, 18:49

Mym....cadê vc???

Num gostou da prévia??

snif snif.... Sad
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://cenografia3d.blogspot.com
Yasmim L
Conhecendo a história de Jasper
Conhecendo a história de Jasper


Idade : 21
Número de Mensagens : 371
Data de inscrição : 19/04/2010
Localização : Brincando com a "comida" nos becos de Volterra com Alec e Demetri... 666'

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Seg 05 Dez 2011, 10:43

uiui alec dando cantadinahs discretas e o seu famoso sorriso pra ness?
eu pulava no colo dele
/confessei
ai eme amei a previa qro mais
/nun vim aki antes pq no fds eu neim senti o cheiro de tecnologia-vidatriste
mais qro o cap logo ,,, nem pensa q vai fugir dessa.. vai ter alec no proximo cap
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.deciphermee.tumblr.com
Eme_Sra.Black
No baile de Fork's High
No baile de Fork's High


Idade : 31
Número de Mensagens : 179
Data de inscrição : 19/09/2011
Localização : Olhando o mar do penhasco em La Push...

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Seg 05 Dez 2011, 12:16

è meninaaa....ce viu, Alec mostou seu famoso sorriso...kkkkkkk...

fds sem tecnologia eh???
ngm merece....hehehe
oh vida cruel!!!!!!!!!!.....


Bjooo!!!!!!!!
amanhã tem cap. novoooooo...

bjobjo
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://cenografia3d.blogspot.com
Yasmim L
Conhecendo a história de Jasper
Conhecendo a história de Jasper


Idade : 21
Número de Mensagens : 371
Data de inscrição : 19/04/2010
Localização : Brincando com a "comida" nos becos de Volterra com Alec e Demetri... 666'

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Ter 06 Dez 2011, 14:09

o sorrisin do alec me mata
fds sem tecnologia = tedio total kkkkkk'

aki esperando o cap eme
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.deciphermee.tumblr.com
Eme_Sra.Black
No baile de Fork's High
No baile de Fork's High


Idade : 31
Número de Mensagens : 179
Data de inscrição : 19/09/2011
Localização : Olhando o mar do penhasco em La Push...

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Qua 07 Dez 2011, 17:37

aiinnn..gente....sorry.....ontem num apareci...kkkkkk
alguem percebeu???????....ngm me ama!!!!
momento carência!!!...
kkkkkkkkkkkk......brincadeira povo amado!!!
Vamos ao cap..





Capítulo 13 – O inimigo mora ao lado



Pov Jacob


Eu resolvi estender minha ronda um pouco mais, há muito tempo eu não fazia um ronda em Port Angeles, era perigoso me afastar do bando, por isso, nós nos concentrávamos onde era mais importante, ou seja, a segurança da reserva e de minha Nessie, claro. Eu sentia o cansaço em meu corpo, mas ainda não estava tão tarde e eu estava em minha forma de lobo, logo, eu chegaria muito rápido, não ia demorar quase nada, só queria constatar que as coisas estavam mais ou menos tranqüilas por lá. Agora eu tinha que prestar mais atenção, afinal, a Nessie vinha pra Port Angeles todos os dias. E ainda mais depois que eu senti aquele cheiro na cidade e ficou impregnado no meu nariz, eu precisava me certificar que estaria tudo bem.


Fui me encaminhando para a cidade enquanto pensava no quanto eu fui sortudo. “Sério, eu tinha tirado a sorte grande, uma mulher como ela não se acha em lugar algum” – Eu pensei isso e ao mesmo tempo me bateu um peso na consciência, eu ainda não tinha contado pra Nessie a história da idade, eu pretendia resolver isso antes, eu ia falar amanhã mesmo com os anciãos, ia exigir uma reunião e eu precisava saber se teria alguma possibilidade de passar meu cargo, ou sei lá, achar um outro alfa, qualquer coisa que me tirasse dessa situação.


Estava tentando achar uma solução para esse dilema quando senti minha narina arder. Aquele fedor nojento de sanguessugas, era um cheiro doce, mas muito ácido, algo como cheirar água sanitária misturada com perfume barato, era nojento. Me concentrei no rastro, estava fresco, apenas algumas horas o desgraçado havia estado ali, fui indo na direção onde o cheiro ficava mais forte.

– Achou alguma coisa Jake? Chefe, cuidado, você está muito longe da gente.. – Embry falou todo preocupado.

– É Jake, se der alguma -sou bonzinho e não uso palavrões no fórum alheio-, a gente não consegue chegar aí a tempo – falou o Quil

– O mais próximo quem está? O Seth? – perguntou Paul

– Já estou indo Jake, daqui cinco minutos estou aí – Seth falou

– Pode vir moleque, que o cheiro ta forte e estou praticamente no centro da cidade, não posso andar como lobo aqui, vou ter que vestir minha roupa, e ficar como humano. Galera é o seguinte, assim que eu estiver voltando eu entro em contato. A sorte é que a essa hora não tem ninguém na rua, mas não posso ficar nem mais um minuto, é muito urbanizado aqui. Seth, eu estarei investigando onde o cheiro é mais forte, o cheiro ta mais concentrado aqui na entrada de uma sei lá, não to vendo o nome... é aqui na..... – Parei de súbito, quando li onde eu estava -

Instituto de Pesquisas Biológicas de Port Angeles.


– Nessie, essa não... aquele cheiro...tá explicado...– eu falei sem ar.


Saí correndo pulando o muro do instituto cheirando tudo, não estava nem aí se alguém podia me ver ou não, eu não me importava, eu precisava saber se estava tudo bem. Em minha cabeça ficaram todos preocupados e rapidamente Seth estava junto comigo, eu vasculhei toda a parte externa do prédio, mas não achei nada, estava tudo silencioso, ele não estava aqui...claro que não, mas esteve e isso era muito grave.

Um maldito sanguessuga, próximo a minha Renesmee...Não...Isso nunca, amanhã eu viria buscá-la no trabalho, de jeito algum eu a deixaria ir embora sozinha com esse maldito a solta.


Pov Renesmee


Cheguei no trabalho em cima da hora, de propósito, era sexta-feira, eu não queria chegar cedo para ter tempo do Alec conversar qualquer coisa de forma pessoal, eu ainda estava me sentindo muito mal e envergonhada pelo ocorrido na sala de arquivo e outra, de forma alguma eu quero que o Alec misture as coisas, principalmente agora que eu estava oficialmente comprometida.


Me encaminhei para o vestiário, me trocando demoradamente, quando cheguei na sala já estavam todos ocupadíssimos com seus afazeres. Respirei aliviada e passei por todos cumprimentando gentilmente. Quando finalmente avistei Alec ele sorriu muito amistoso e me cumprimentou como se nada tivesse acontecido – Ufa! – eu pensei. Seria o fim da picada ele querer falar sobre o ocorrido.


No meu horário de almoço eu fui até uma doceria que fica próxima ao meu trabalho e comprei uma caixa cheia de cupcakes, afinal, á noite Jake ia me levar na reserva como sua namorada oficialmente – que lindo - , eu não poderia chegar lá de mãos abanando, como sou meio distraída, resolvi comprar logo antes que eu esquecesse e acabasse passando vergonha. Voltei com a enorme sacola e guardei no meu armário pensando se meu amor ia gostar.... – eu ri por dentro – meu amor, meu sorriso aumentou na mesma hora, era incrível como eu era sortuda.


Quando deu meu horário, eu estava guardando minhas coisas e pegando minha sacola, lembrando de ligar pra Ange, para ela vir conhecer minha casa nova, junto com Eric, quem sabe levar a Jess também, quando alguém cutucou o meu ombro.


– Oi Nessie...


Eu me virei meio rápido pelo susto e dei de cara com Alec. Ele estava parado com um sorriso torto, uma mochila no ombro, me olhando de forma divertida.


– Oi Alec, nossa eu estava tão distraída...nem vi você chegar – falei enquanto guardava meu jaleco no armário.


– Bom...desculpe pelo susto – ele riu – Mas me diga uma coisa, o que você estava pensando que estava tão distraída? – ele perguntou casualmente.


– Ah...não era nada na verdade, eu estava apenas me lembrando de chamar minha amiga e o namorado dela pra conhecer minha casa nova amanhã, estava pensando em fazer um churrasco e uma baguncinha – eu ri, imaginando a reunião, seria muito legal, Ange e Eric eram ótimas companhias.


– Nossa que legal, mas você não estava pensando em convidar ninguém do seu trabalho? Pra fazer uma confraternização de boas vindas pra você? – ele falou com um sorriso travesso nos lábios.


– Eu dando uma festa de boas vindas pra mim mesma.... – eu ri muito nessa hora, enquanto nos encaminhávamos para o estacionamento.


No caminho, nós fomos conversando e rindo, Alec era uma companhia agradável, principalmente quando sorria, tirando o fôlego das mulheres da empresa enquanto passávamos.


– Tchau Susan – ele disse cumprimentando a recepcionista que sorria bobamente vendo-o passar.


– E então sta. Cullen, não vai me convidar para seu super churrasco divertido? – ele perguntou sorrindo e cotovelando meu braço num tom de brincadeira.


– Ahh...não é isso Alec, é só que sei lá, eu ficaria meio sem graça, ainda não tenho intimidade com ninguém daqui e de repente estão todos comendo churrasco, assistindo tv, com roupas casuais de chinelo e bermuda na minha casa – eu ri alto imaginando Dr. Andrew de bermuda, comendo hambúrguer e tomando cerveja.


– É, mas é bom eu não imaginar essa cena, se não eu posso pensar em você de shortinho e não ia dar certo – ele falou com um meio sorriso torto e um olhar muito desconcertante.


Eu corei violentamente morrendo de vergonha e não percebi que já estávamos no degrau de saída para o estacionamento e acabei pisando em falso. Ia cair de cara no chão tenho certeza, mas Alec foi mais rápido e me segurou pela cintura muito forte – de novo – eu pensei, enquanto minha bolsa e minha sacola caiam no chão. Ele me apertou contra seu corpo, segurando em minha cintura com força, com os dois braços e aproximou seu rosto a centímetros do meu. Foi tudo muito rápido e não tive tempo de pensar e quando percebi ele estava com os braços em minha volta e falando em meu ouvido.


– Nessie, eu preciso manter meu controle quando estou com você, se você soubesse os efeitos que causa em mim, você tem consciência garota da beleza que tem? Tem consciência de que seu jeito é extremamente sexy pra mim? Eu quero você pra mim Renesmee, você vai ser minha... – ele falou entredentes, quase como um susurro.


E antes que eu conseguisse falar qualquer coisa ou tirar aquele arrepio estranho da minha espinha, ele se afastou do meu rosto e franziu o nariz fazendo uma careta enquanto eu ouvia uma voz.


– SOLTA ELA AGORA!!!! – uma voz rouca falou quase gritando.


E essa voz eu conhecia, ele falou com tanta raiva que Alec me soltou na mesma hora, enquanto eu corria em sua direção.


– Jake, calma, não é nada disso que você está pensando, ele é só meu amigo, eu ia caindo e.... – então olhei novamente pra ele.


Jake estava tremendo o corpo inteiro, respirando pausadamente como se procurasse calma em algum lugar, enquanto ele se tremia e rosnava...sim...rosnava muito alto para Alec. Ele o encarava com um ódio descomunal, mas Alec para minha total incredulidade o estava enfrentando, apesar de ser muito menor que o Jake. Ele olhava para o Jacob mostrando os dentes e rosnando também, enquanto seus olhos estavam no mais absoluto vermelho.

Eu me assustei quando vi seus olhos – Oh God...o que era aquilo – nunca vi alguém com os olhos assim. Olhei em volta para ver se tinha mais alguém vendo isso, mas parece que todos já tinham ido embora.


– Seu cão imundo, o que você está fazendo aqui? – Alec perguntou num tom agressivo, que me deixou de olhos arregalados, como ele sabia do Jake?


– Escuta aqui seu sanguessuga do inferno, você nunca mais ouse chegar perto da minha Renesmee, ela é minha mulher e se você a machucar seu maldito eu te caço nem que seja no inferno – Jake ameaçou muito feroz, me colocando atrás dele, enquanto respirava pesado e rapidamente, acho que se controlando.


– Engraçado, que eu não ouvi ela dizer que tinha homem algum enquanto estava em meus braços – Alec falou com ar debochado, cruzando os braços.


Isso foi o fim para Jake, a gota dágua para o seu copo cheio ele saiu muito rápido de perto de mim enquanto corria em direção a Alec pulando, e no ar ele se transformou em um lobo imenso com pêlo castanho avermelhado.

Mas com uma rapidez que meus olhos atônitos não conseguiram acompanhar Alec não estava mais lá. Jake fez menção de correr, mas parou olhando para mim. Eu, uma tonta com a boca escancarada, olhar perplexo, com as pernas moles, sem acreditar no que acabara de ver.


Enquanto eu tentava respirar com dificuldade Jake foi lentamente se aproximando de mim – Oh God...ele era muito, muito, grande – Seu corpo enorme chegou perto me fitando com olhos preocupados, era ele mesmo. Jacob tinha se transformado em lobo na minha frente, se eu ainda tinha alguma dúvida que ele era lobisomem, agora não tinha mais nenhuma. Apesar de sua forma estar diferente – Muito – Pude notar que existiam semelhanças e que se você prestasse atenção você percebia que era o Jacob mesmo. O tom castanho avermelhado do pêlo do lobo era o mesmo tom de pele dele, o porte imponente e a postura de macho alfa que ele tinha era igual ao jeito dele humano, mas os olhos...ah os olhos....esses não tinham como negar, eram escuros e puxados nos cantos, intensos, como só ele conseguia ter, seria fácil achá-lo numa multidão. Eu nunca vi olhos tão singulares quanto os dele, eram escuros, ok, tanta gente tem o olho escuro...mas o dele era poderoso, assim como a aura que emanava dele. Meu macho alfa, finalmente o conheci em sua verdadeira forma.


Eu me aproximei dele sem medo algum, ele me fitava tenso, com medo e um tanto furioso, pois bufava. Mas mesmo assim cheguei perto o suficiente e levantei minha mão para que ele soubesse que eu queria acariciá-lo. Ele era lindo, um lobo lindo.

Mas ao invés disso, ele abaixou suas patas dianteiras, e com a cabeça, apontou para suas costas e a abaixou de novo, dando a entender que queria que eu subisse nela. Eu assenti, mas antes, corri pra pegar minha bolsa e minha sacola, voltando imediatamente.


Com cuidado, subi em suas costas como se sobe em um cavalo. Sim, Jake era enorme, ele conseguia ser maior que um cavalo e muito mais musculoso. Ele começou a andar devagar, acho que para eu me acostumar com o ritmo de suas passadas, que eram rápidas e eu tinha que me segurar em seus pêlos com cuidado. Mas quando eu senti mais segurança, eu deitei em suas costas, prendendo minhas pernas em suas costelas e me segurando em seu pescoço, então me senti muito segura. Ele percebeu, pois começou a correr muito mais rápido, não sei em que velocidade ele chegou, só sei que em determinado momento eu fechei os olhos, as imagens estavam passando rápidas demais, me deu enjôo.

Nós passávamos muito rápido entre as árvores, eu pude ver quando abri meus olhos, estávamos voltando pela floresta. Foi muito rápido que nós chegamos na reserva de La Push e logo paramos próximo da familiar casa vermelha com a oficina em anexo. Mas ele parou e abaixou para que eu descesse. Eu desci e fiquei olhando pra ele enquanto ele se afastava um pouco e na mesma velocidade que ele virou um lobo ele voltou a ser o meu Jacob, e estava pelado. Entendi o porque da cavalgada, assim que ele voltasse ao normal estaria completamente sem roupa, logo não poderia ser na cidade.


– Jake...o que aconteceu? – eu comecei a perguntar aflita, mas ele apenas veio em minha direção e me abraçou muito forte.


– Amor, o que foi aquilo? Eu não estou entendendo nada... – eu falei balançando a cabeça, enquanto começava a afundar meu rosto em seu peito musculoso, inalando seu cheiro, me reconfortando, me acalmando.


– Minha pequena, eu preciso ir resolver algumas coisas, você vai dormir comigo aqui, hoje, é mais seguro. – ele falou me apertando em seu abraço.


– Mas Jake, eu preciso saber....ele...ele...era... – eu não sabia como perguntar aquilo...parecia tão maluco.


– Sim, Nessie...ele é um vampiro, e é um daqueles que eu te falei que estava procurando, ele é um dos cheiros que eu conhecia. Aquele sanguessuga nojento, vai me pagar por encostar um dedo em você....se ele tivesse te machucado... – ele falou se afastando de mim, andando pra lá e pra cá.


– Mas não me machucou, nem tem como Jake, eu já o vi várias vezes, Alec nunca iria me machucar, ele trabalha comigo – eu falei tentando justificar.


– Alec – ele falou com tom de nojo – então é seu amiguinho Renesmee?..... O que ele falou é verdade? .......Você deixou ele te abraçar e tudo mais ......e nem tinha contado que tinha namorado pra ele? Porque você NÃO CONTOU QUE TINHA NAMORADO?? TÁ ARREPENDIDA??.............QUE -sou bonzinho e não uso palavrões no fórum alheio- DE COMPROMETIMENTO É ESSE SEU?– ele me perguntou realmente ficando muito bravo com cada palavra que ia dizendo.


Eu até me encolhi perante sua voz irritada – F*&deu, como eu vou me explicar?-


– Calma amor, o que aconteceu foi que a gente estava conversando numa boa, eu tava até contando que ia ligar pra minha amiga Ângela e tal...porque eu falei que estava pensando em fazer um churrasco lá em casa amanhã e chamar a Ange, o Eric que é namorado dela e a Jess e.. – ele me interrompeu


– COMO VOCÊ FALA TODAS ESSAS COISAS PRA ELE NA MAIOR INTIMIDADE SE NEM EU ESTOU SABENDO DE CHURRASCO NENHUM??? – ele perguntou irritadíssimo.


– Mas é claro que eu ia te falar né, antes de eu me mudar eu já tinha falado com a Ange sobre esse churrasco, mas com os últimos acontecimentos, eu esqueci, só lembrei hoje, porque é sexta-feira. – tentei me explicar


– Ta....continua....você tava falando toda sua vida para aquele infeliz e aí...prossiga – ele fez um gesto com a mão para que eu continuasse.


– Bom, então eu tava falando do churrasco, aí ele falou pra eu convidar o pessoal do escritório, eu falei que não porque eu não tinha intimidade, então ia ficar estranho todo mundo a vontade na minha casa, aí ele falou que era bom não pensar porque se me visse de shortinho ia ficar doido, aí ... – ele me interrompeu de novo..


– ELE DISSE O QUÊ????? – eita....é hoje.. – EU MATO ESSE FILHO DA P*&TA DO CA*&LHO... – ele xingou gritando muito bravo.. – Ta...o que mais aquele desgraçado disse??? – ele perguntou sem paciência nenhuma, enquanto voltava a tremer inteiro e ao mesmo tempo tentando não gritar.


– ai ai... – suspirei, na hora que eu contasse essa ultima parte...aí sim ele ia surtar.mas eu ia falar tudo, mentir para o Jake estava fora de cogitação.


– Fala tudo Renesmee...- ele ordenou


– Aí eu fiquei assustada pisei em falso no degrau e quase caí...ele me segurou pela cintura e falou em meu ouvido que tinha que se controlar quando tava perto de mim, que eu era bonita e sexy e que me queria só pra ele... – cuspi tudo de uma vez,.............OH GOD..........agora o Jake enfartava de vez.


– MAS QUE DESGRAÇADO COMO ELE OUSA DIZER QUE QUER VOCÊ PRA ELE, AQUELE SANGUESSUGA ASQUEROZO, MALDITO, FILHO DA P*&TA, DO INFERNO...EU VOU MATAR ELE....AHHHH...SE VOU....VOU ACABAR COM A RAÇA DELE.....VOU CAÇAR ELE NEM QUE SEJA NO INFERNO.... – ele andava de um lado pra outro gritando e gesticulando, seria uma cena até engraçada se a situação não fosse tão tensa, ele pelado, andando pra lá e pra cá e xingando aos montes.


– Calma amor, eu tinha começado a namorar com você só ontem, e bem, ele nunca me perguntou se eu tinha alguém...e foi tudo muito rápido, ele falou, eu tropecei, ele me segurou, falou aquelas bostas e quando eu ia retrucar você apareceu...não foi por mal Jake....eu te amo...demais....ele não é nada pra mim...embora agora eu entenda o porque dele ser tão diferente...e aqueles olhos...ele é um vampiro...agora entendi....mas você não precisa se preocupar amor...ele não me atrai em absolutamente nada meu amor...eu só quero você. – e beijei meu anel com tanto amor...enquanto chorava baixinho, olhando pra baixo.

Ele me fitou por um momento e veio caminhando em minha direção. Colocou suas mãos quentes em meu rosto. Enxugando minhas lágrimas e beijando minha testa.


– Minha vida....me desculpe por gritar com você....mas eu fico extremamente possessivo quando se trata de você e quando vi meu inimigo mortal tocando em você...eu mal consegui me controlar...eu já tinha tido um dia bem difícil e ainda tive que ver isso....fiquei louco...mas eu te amo pequena, você é tudo pra mim – e selou nossas bocas com um beijo macio e apaixonado.


– Agora Ness, eu preciso que você vá pra minha casa agora, a Raquel já sabe que você vai pra lá, eu pedi pro Paul avisá-la, toma um banho, troca de roupa, come alguma coisa que daqui a pouco eu to de volta. Tenho um assunto pra resolver – ele me beijou mais uma vez e se afastou depois.


– Aonde você vai? – eu perguntei aflita...eu não queria me separar dele agora.


– Ué, vou fazer o que faço de melhor....vou caçar um vampiro – ele falou e me deu um sorriso triunfante.


– VOCÊ VAI MATAR O ALEC????.....NÃO JAKE...NÃO FAÇA ISSO NÃO.... – eu me desesperei, uma coisa era termos um problema de ciúmes, outra era um assassinato.


– Como não? O que você quer que eu faça? Deixe ele livre pra matar outras pessoas??? Ou pior, para segunda-feira ele atacar você de novo e dessa vez ser sério? E você morrer? Você quer me ver morto Ness?? Porque sem você não sou ninguém... – ele parou olhando pra baixo e balançando a cabeça negativamente enquanto colocava dois dedos nas têmporas demonstrando impaciência - Nessie, faça o que eu disse, vai pra casa – ele falou se virando em direção a floresta, mas antes de partir, olhou pra trás e com uma cara meio de nojo disse – Mas antes, por favor, toma um banho, você está fedendo a vampiro
_____________________________________________

Aiinnn.......o Jake brigou com a Ness....kkkkkk
cap. q vem ela desconta, garanto....hehehe Twisted Evil
pode fazer isso não meu filho!!!

Mas enfim...

e aí Mym??? O Que achou do atrevimento do seu Alec???
kkkkkkkkkkkkkkkkkk

bjos amadaaassss
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://cenografia3d.blogspot.com
Yasmim L
Conhecendo a história de Jasper
Conhecendo a história de Jasper


Idade : 21
Número de Mensagens : 371
Data de inscrição : 19/04/2010
Localização : Brincando com a "comida" nos becos de Volterra com Alec e Demetri... 666'

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Qui 08 Dez 2011, 10:38

"Eu me virei meio rápido pelo susto e dei de cara com Alec. Ele
estava parado com um sorriso torto, uma mochila no ombro, me olhando de
forma divertida." /UI EU PEGAVA

aí jake menino feio, xingando na frente da ness.. muito feio menino
/porissoprefirooalec kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk VC ESTÁ ME FAZENDO SER PROFUNDAMENTE RENESLEC EM SUA FIC ALTAMENTE BLACKCULLEN
kkkkkkkkkkkkkk /isso é muito muito engraçado

gente eu qro pov alec urgentemente sérioooooooooooo pq eu qro saber o estilo de vida dele nessa fic.. tudo bem q ele caça humanos /na verdade neim imagino o alec vegetariano é impossivel, mais ele convive com humanos o q é inusitado e a jane.... a mostrinha até q é bem simpatica... gente eme cade o pov do alec????
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.deciphermee.tumblr.com
Eme_Sra.Black
No baile de Fork's High
No baile de Fork's High


Idade : 31
Número de Mensagens : 179
Data de inscrição : 19/09/2011
Localização : Olhando o mar do penhasco em La Push...

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Qui 08 Dez 2011, 19:25

oi amigaaaaaaaaa

daqui dois capitulos....capítulo 15 é o pov Alec...uhuuu;... cheers

Ele é doidão amiga, vc vai surtar...kkkkkkkkkkkkkkk...

Num to acreditando q vc vai torcer pro Alec ateh aqui nessa fic completamente Jakeness???

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk............soh vc dona Yasmim Volturi!!!! Very Happy


Adooooro vc aqui Mym...pelo menos aqui não me sinto sozinha...kkkkkkkkkkk...
bjo amiga....vlw
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://cenografia3d.blogspot.com
Yasmim L
Conhecendo a história de Jasper
Conhecendo a história de Jasper


Idade : 21
Número de Mensagens : 371
Data de inscrição : 19/04/2010
Localização : Brincando com a "comida" nos becos de Volterra com Alec e Demetri... 666'

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Sab 10 Dez 2011, 09:23

"Ele é doidão amiga, vc vai surtar..." g-zuiz
esperando por esse cap loucamente


tô dando umas olhadas lá pelo nyah!fanfiction,,
qm sabe nun posto blizzard por lá tbm?
dando um breve aviso ---
blizzard acabou!
Sad
foi tão triste escrever o ultimo cap, e o epilogo então
mas , sério, tá perfeito /chorei KKKK'
não vai decepcionarrr
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.deciphermee.tumblr.com
Eme_Sra.Black
No baile de Fork's High
No baile de Fork's High


Idade : 31
Número de Mensagens : 179
Data de inscrição : 19/09/2011
Localização : Olhando o mar do penhasco em La Push...

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Seg 12 Dez 2011, 17:23

mininaaaa....Blizzard acabou??? Inhaaa....tava tão bom....espero que venha temporada novaaaa!!!! uhuuuuu
vamos ao que importa.....CAP. NOVO.




Capítulo 14 – E agora?



Eu ia tentar persuadir Jacob a ficar, mas ele saiu correndo, já se transformando. Eu juro que não estava acreditando onde raios eu tinha me enfiado...fala sério... meu namorado que é um lobisomem está indo matar o meu colega de trabalho e que deu em cima de mim e que é um vampiro...enquanto eu fico completamente paralisada aqui com a boca aberta que nem uma idiota. Como eu vim parar nessa confusão?


Juro que a três semanas atrás eu sabia exatamente quem eu era e o que eu queria, mas agora, eu amava um homem absurdamente e estava temerosa pelo destino de outro, não porque eu o amasse, de forma alguma, mas ele não me parecia perigoso, não a ponto de precisar morrer. Só que se eu falar pro Jacob para não matá-lo, ele vai achar que é porque eu gosto do Alec...o que não é verdade...então...não sei mesmo o que fazer...vou apenas rezar para que Alec escape e tenha a chance de viver, como seria nosso reencontro na segunda-feira só Deus sabe.


Fui me caminhando devagar enquanto ia na direção da casa do Jacob, eu ia conhecer a família dele sem ele, o que já era bem vergonhoso e ainda nem sabia se tinha restado algum bolinho. Antes de chegar na casa abri a sacola e a caixa para saber se tinha sobrevivido algum e fiquei feliz em constatar que vários cupcakes foram salvos – Menos Mal – pensei enquanto me preparava para tocar a campainha. Um minuto depois uma mulher muito parecida com Jacob se posicionou na minha frente abrindo a porta.


– Renesmee? Que bom que você chegou, o Jake me avisou que você vinha, mas estava demorando, já estava ficando preocupada – ela falou me levando até a sala e então com um sorriso no rosto ela levantou a mão num cumprimento. – Aliás...eu sou a Rachel, muito prazer, você é famosa por aqui, o Jake fala o tempo todo de você – Eu ri também e a cumprimentei.


– Rachel, eu trouxe uns bolinhos...mas acho que pela carona inusitada, acabou perdendo alguns... – falei me lamentando e entregando a caixa.


– Own, que fofa...obrigada...humm...tá com a cara ótima...Ô Billy, a Renesmee trouxe bolinho pra gente, parece estar muito bom!!! – Ela gritou para o pai enquanto se encaminhava para a cozinha com a caixa nas mãos, depois voltou com um prato cheio e pos sobre a mesa.

– Não precisava se preocupar Nessie...posso te chamar de Nessie?..Não quero ser inconveniente nem nada...


– Imagina Rachel, você é uma simpatia, pode me chamar do que quiser. – eu ri – e que bom que os bolinhos agradaram, foi de coração – eu falei sinceramente.


Logo o pai de Jake se encaminhou para a sala agradecendo aos bolinhos e conversando comigo alegremente.


– Nessie, mas que vacilo o meu....já ia esquecendo, vai tomar um banho querida que eu já vou servir o jantar para nós. Eu coloquei uma toalha e uma muda de roupa pra você em cima da cama do Jake, uma escova de dentes nova e um sabonete...vem comigo que eu vou te mostrar o resto da casa.


A Rachel me mostrou toda a casa, era uma casa simples, porém muito arrumada e aconchegante, a cozinha pequena mas super organizada e o quarto do Jake não era grande, assim como toda a casa, mas tinha uma cama de casal e o melhor...o cheiro maravilhoso dele por todo lado.

Eu me dirigi ao banheiro do Jake, com as coisas que a Rachel separou pra mim e fiquei observando tudo o que era dele. Era incrível a sensação de estar no seu espaço com as suas coisas, eu me senti mais dele do que nunca. Tomei banho, coloquei um short de algodão e uma blusinha de malha que Rachel deixou pra mim e me encaminhei pra cozinha.


O cheiro de comida estava maravilhoso. Rachel tinha feito um peixe frito com purê e legumes e eu a estava ajudando a terminar a salada, enquanto ela terminava o arroz. A ajudei a por a mesa de jantar enquanto conversávamos e ela me contava como foi a impressão do Paul com ela. Rachel era uma pessoa divertida e cuidadosa, falava do Jake com tanto amor, que sim, era como se fosse mãe dele. Ela também estava toda feliz me mostrando o anel de noivado e combinamos de ver algumas coisas de decoração para o seu casamento.


Nós três jantamos juntos, rindo e conversando, nem vi a hora passar. Ajudei a Rachel a limpar a cozinha e lavar louça. Ficamos ainda um tempo na sala conversando e vendo tv, mas depois cada um se encaminhou para o seu quarto. Quando escovei meus dentes e deitei na cama de Jake com seu cheiro maravilhoso, é que me dei conta que ele poderia estar correndo perigo. E se Alec não estivesse sozinho? E se ele fosse perigoso mesmo? Como estaria o meu Jake?...Me bateu um desespero, eu me levantei e fiquei na janela olhando pra floresta, ansiosa e com medo....esperando ele chegar.



POV Jacob



Sério, meu dia não estava nada bom hoje. Passei o dia inteiro preocupado com a Nessie e querendo muito buscá-la no trabalho para ter certeza de sua segurança. Depois que eu senti o cheiro de vampiro na empresa em que ela trabalhava, eu fiquei doido.


E ainda como se não bastasse essa preocupação. Eu consegui uma reunião com os anciãos no anoitecer e não foi nada agradável.


Flash-back on:


“– Jacob, você pode por gentileza se encaminhar para o centro do círculo e contar para todos os membros do conselho Quilleute qual o motivo deste chamado? – falou um dos mais velhos integrantes, meu pai também estava lá e o velho Ateara, a Sue Clearwater também, então o mais velho fez sinal para que eu me aproximasse.


Eu estava nervoso, não sabia como me expressaria de forma convincente, mas eu precisava tentar, por mim, pela Nessie, por nosso futuro. Respirei fundo, como se tomasse um grande gole de coragem, me encaminhei ao centro e com todo o meu coração. Eu falei:


– Digníssimos senhores membros deste tão importante conselho, primeiramente eu peço desculpas por tirar vocês de seus afazeres, para que comparecessem a essa reunião, mas eu realmente peço que me ouçam antes de tomarem qualquer decisão, ouçam tudo o que tenho a falar.

Há alguns anos, eu aceitei o cargo de Macho Alfa da alcatéia de lobos Qulleutes, para servir como guardião, com todo o meu amor e dedicação. A várias gerações, quando chegamos na idade de 16, 17 ou 18 anos alguns dos mais valorosos jovens da reserva sofrem a alteração em seus corpos e passamos a exercer nossa função de guarda como bem todos sabem. Sem trégua, dia após dia, tentando com amor, conciliar nossa vida particular com os trabalhos de proteção da reserva. E infelizmente quando achamos que os vampiros darão trégua, sempre aparecem mais e nós nunca conseguimos acabar com a transformação de vez. Mas como todos sabem, se nós quisermos, nós podemos não nos transformar e assim começar a envelhecer e ter uma vida normal, exige muita força de vontade e calma, mas é possível. Pensando dessa forma nosso companheiro Samuel Uley se retirou do cargo me passando tal responsabilidade, já que pela árvore genealógica desde sempre, eu fui o alfa desta geração e a partir daí ele passou a levar uma vida normal, ao lado de sua atual esposa Emily. Ele fez isso porque? Porque ele sofreu uma impressão como todos sabem e não podia ficar sem ela, nem a vendo sofrer por ele nunca estar em casa e por não poder dar a ela uma vida normal, incluindo o fato de ele envelhecer e ela não. Então ele desistiu e está feliz, plenamente. Sem mais delongas eu quero lhes comunicar para quem ainda não sabe, o que eu acho difícil, que eu também sofri uma impressão, por uma garota que não é da reserva, mas é muito esperta e conseguiu sozinha descobrir quem eu sou, sem que eu tivesse que contar. Eu a amo e quero lhes perguntar. Eu não tenho o direito de ser feliz? Não tenho o direito de ter uma vida normal?...depois dessas perguntas que eu fiz a mim mesmo, eu os convoquei para perguntar enfim o que eu quero saber...- respirei fundo - Eu gostaria de permissão ou de uma solução, para repassar meu cargo de alfa, para que eu possa ter uma vida normal, eu tenho direito a isso? Existe alguma forma de passar esse cargo?


Eu esperei em silêncio, ia ser difícil, aquele monte de velhos turrões não estariam nenhum pouco interessados em pensar numa solução para isso. Estava vendo em seus olhos. Eles não estavam nem aí, não era a vida deles. A não ser meu pai e Sue que pareciam se compadecer com minha situação, mas de resto. O cargo foi designado a mim e eu aceitei, problema meu se agora eu não queria mais, eu sabia, e quando eu tive que me retirar para que eles pensassem, eu deixei meus olhos encherem de lágrimas, quando eu voltasse, já teriam o veredicto. Não demorou muito e então eles me chamaram novamente e quando o senhor mais velho falou, eu já sabia o resultado.


– Senhor Jacob Black, venho em nome do conselho dizer-lhe que infelizmente nós não achamos outra forma de mudar de Alfa. Infelizmente é a primeira vez que acontece de uma impressão acontecer com alguém de fora da reserva, todas as mulheres daqui sabem que se ela se envolve com um lobo, o mesmo irá viver até que outro tome seu lugar ou morra e ela entende e respeita,ela sabe que irá envelhercer, está na nossa tradição. Tente falar com a sua prometida, alfa, se ela não aceitar, infelizmente não tem como ela fazer parte de nossa tradição.


E assim ele terminou de falar, como se fosse muito fácil e normal, saí sem olhar pra trás, QUE -sou bonzinho e não uso palavrões no fórum alheio-.....agora eu ia precisar pensar em alguma forma, eles não queriam me ajudar, logo, eu teria que achar um jeito sozinho, nem que eu fugisse com ela até um lugar onde faz sol todos os dias pra nunca mais ver nenhum maldito vampiro, e tentar levar minha vida normal. Eu ia dar um jeito nisso. Ah se ia.


Flash-back off



Depois dessa reunião dos infernos, eu cheguei na empresa para buscar minha Nessie, ainda não tinha saído ninguém. Tinham duas entradas uma entrada principal e uma do estacionamento, eu ficava indo às duas o tempo todo, até que algumas pessoas começaram a sair, mas nada dela. E o cheiro nojento por todo lado.


Eu estava na frente da entrada principal quando o cheiro daquele sanguessuga infestou meu nariz, mas não vinha de lá, vinha da outra entrada. Eu fui correndo e quase entrei em parafusos quando vi a Nessie nos braços daquele miserável maldito, eu surtei, meu sangue freveu, de uma forma alucinada.


Eu gritei, ela veio em minha direção, mas eu só conseguia olhar aquele miserável...como ele ousou tocar minha Nessie daquela forma, se ele a mordesse eu não falaria por mim. Eu estava o tempo todo tentando me controlar, por ela, mas quando ele falou umas merdas eu voei no pescoço dele, mas o desgraçado era rápido...e fugiu, claro, era a cara dele fazer isso, covarde.


Pensei em ir atrás dele, mas a imagem da minha pequena, sozinha ali, confusa, era demais pra mim, parei e voltei para encará-la...eu estava furioso...como ela pode ser tão ingênua? E porque ela deixou aquela aproximação dele sem sentido? Meu lado possessivo gritou, alto, dentro de mim.


Eu a levei de volta pra La Push e ela tentou me explicar o acontecido da melhor forma...enquanto eu estava completamente alucinado, gritando muito bravo com ela...ela não merecia isso. Eu acreditei nela, claro, ela não estava mentindo, mas o que me deixou mais puto ainda, foi na hora de ir embora ela ficar pedindo por favor para não matá-lo, como assim não matá-lo se é o que eu mais quero nesse momento? Ela defendeu ele? Sim, claro...ela ainda não o viu como monstro, só como um colega de trabalho que fica tentando seduzi-la...eu deveria ter pensado nisso antes de falar as merdas que eu falei pra ela... mas ela não fazia idéia do que aquele ser maldito era capaz...eu precisa alertá-la e quando eu chegasse em casa, nós íamos conversar francamente, e dessa vez, com calma, nunca mais eu iria tratar a razão da minha existência com grosserias.


Eu já estava chegando no Centro de Pesquisas, todo o meu bando comigo, todos eles se entristeceram com a história dos anciãos. Era uma -sou bonzinho e não uso palavrões no fórum alheio- mesmo, não sabia como eu ia me livrar desse buraco, mas resolvi limpar minha mente disso...eu ia me focar em outra coisa agora...aquele maldito fedorento.


Nós varremos a área, ele não estava lá, ele devia andar sempre de carro...não é possível...pois o cheiro dele nunca tem um rastro, quando tem, não levam a lugar nenhum. O rastro dele foi só até um pedaço de um bosque próximo, depois acabou....mas é claro...com eu sou idiota, o FDP é esperto, ele voltou pelo mesmo caminho e entrou em seu carro...uma vez que ele está dirigindo em alta velocidade, o cheiro não fica tão marcante e passa muito rápido...se eu tivesse voltado rápido, ainda conseguiria captar o cheiro, mas depois de todo esse tempo....não mais. Nós ainda rodamos aquilo tudo, mas não achamos mais nada. Eu precisava avisar Renesmee que ele era perigoso...mas como eu ia fazer para convencê-la, não tinha a mínima idéia.


Liberei o pessoal para irem para suas casas, já eram quase 03:00 am, e não achamos nada, precisávamos descansar. Me encaminhei pra casa, enquanto me aproximava, eu ouvi um coração batendo e um cheiro familiar, mas o coração batia acelerado...o que ela ta fazendo acordada essa hora? Eu a vi debruçada na janela, olhando para a floresta com o rosto apoiado no queixo, com visível impaciência....como era linda a minha Renesmee.



POV Renesmee


Eu estava agitada de medo, a cada hora que passava e meu Jacob não voltava, mais eu ficava aflita, eu lembrava da cena dos dois brigando e o Alec mostrando os dentes para o Jacob.... se ele atacasse...como ficaria meu Jake?...será que ele conseguiria se defender a tempo? Mil e uma coisas passavam pela minha cabeça, e tinha mais uma coisinha que ficou entalada na minha garganta também, a hora que ele chegasse ele também ia ouvir. Quando ouvi a porta da sala abrindo meu coração perdeu um compasso, para logo voltar a bater apressadamente e num instante eu vi o que eu mais queria....meu Jacob, entrando no quarto.


– Oh meu Deus...Ainda bem que você está bem..... – eu falei voando para seu pescoço para abraçá-lo – Eu fiquei tão preocupada Jake, eu te amo demais, eu achei que você fosse se machucar... – eu o apertava em meu abraço cada vez mais, ele retribuía na mesma intensidade.


– Oi meu amor...não se preocupe eu estou aqui... – ele falou me beijando nos lábios com força.


Nós ficamos abraçados um tempo até eu me acalmar e então eu comecei:


– Olha só, eu quero que você saiba que a próxima vez que você gritar comigo de novo daquela forma, eu vou deixar você falando sozinho e vou embora...Não sou obrigada a ouvir você falar grosserias comigo, duvidando da minha integridade e da minha fidelidade se eu aceitei você pôr esse anel no meu dedo, coisa que nunca deixei antes, é porque eu te amo e te respeito Jacob eu não sou nenhuma adolescente idiota não, eu sou uma mulher que merece ser respeitada como tal, você não é meu dono, eu não faço parte do seu bando idiota, eu sou sua namorada, que te ama, ninguém nunca falou comigo desse jeito, você foi o primeiro e espero que seja a ultima vez – eu falei com os braços cruzados e com o semblante muito sério, eu não tinha gostado nenhum pouco disso.


Enquanto eu falava, ele sentou na cama e ouviu tudo quieto, de cabeça baixa, doeu meu coração vê-lo assim, mas eu precisava falar, ele tinha que ver isso, foi um absurdo o jeito que ele falou comigo, na hora estávamos ambos nervosos, eu achei melhor não discutir, mas agora eu queria mesmo que ele soubesse. Ele ficou ainda um tempo olhando para baixo e então depois ele falou com a voz rouca.


– Eu quero que você saiba Ness, que eu já estava arrependido e muito, você não mereceu palavra alguma do que eu disse, principalmente da forma como eu falei, eu sei que eu não sou seu dono, eu sei disso, mas eu fiquei insandecido com o que aconteceu, eu nunca imaginei que um dia eu veria um vampiro abraçado com a minha namorada, minha escolhida pela impressão, minha razão de viver...eu perdi controle, eu poderia muito bem culpar o meu lado animal por isso...mas não foi...fui apenas eu...sendo um idiota...eu prometo nunca mais gritar com você de novo meu amor...nunca mais...eu perco o juízo quando se trata de você, você é tudo pra mim Renesmee Cullen. – ele finalizou olhando em meus olhos, com um amor tão puro...tão forte...não teria...ter raiva dele...nunca, eu nem tinha ficado brava, eu tinha entendido sua irritação, mas ele precisava ver que isso não é certo...homem é tudo igual, se deixar...


– Ness, eu preciso falar muito sério com você...um outro assunto, se você permitir...e me perdoar.., eu só vou tomar um banho, já volto, ta bem? – ele me perguntou eu assenti com a cabeça e em seguida ele foi ao banheiro e logo eu ouvi o chuveiro ligando.


Não gostei do seu tom de voz, me deixou preocupada, será que ele ia me dar más notícias? Sentei na cama tensa, olhando para a porta do banheiro e a imagem de Alec morto e sua irmã Jane chorando, ficou rondando minha cabeça....é um assassinato...é horrível. Eu fiquei com esses devaneios até que Jake saiu do banheiro, vestiu uma cueca Box e sentou na cama me abraçando apertado.


– Senti saudade de você pequena...fiquei com tanto medo de te perder... – ele beijou meus lábios com ternura selando nossa paz.


– Ness, antes de qualquer coisa, eu preciso que você entenda o que esse seu amigo sanguessuga é...eu sei que você o vê como um amigo seu – eu balancei a cabeça afirmando – mas ele é muito mais perigoso meu amor...você sabe do que os vampiros se alimentam? – ele perguntou segurando meu rosto entre as mãos e olhando em meus olhos


– S – Sangue? – Eu perguntei meio incrédula.


– Sim meu amor, sangue, de pessoas, de humanos, inocentes que não fizeram nenhum mal..nada... além de estarem vivos e o fato dele estar trabalhando com você deve significar alguma coisa Ness, eles devem estar aprontando alguma coisa, vampiros vivem a eternidade, eles não iam ficar nessa cidade pequena, só para trabalhar e viver tranqüilamente, não...tem coisa muito maior envolvida, eu não sei ainda o que é Ness, mas eles não estariam morando aqui por acaso, entende? – ele perguntou na maior calma do mundo, tentando me fazer prestar atenção.


– Eu entendo...quer dizer...é muito complicado Jake, você acha mesmo que ele mata pessoas? – eu perguntei...eu não queria acreditar, que Alec era um assassino, pra mim ele era apenas um cara interessado. – Mas ele ainda não morreu?...quer dizer...você não matou ele? – eu perguntei.


– Ele escapou...é muito escorregadio esse infeliz...Você não acredita em mim...quando digo que ele é um ser do mal? – ele perguntou com cuidado.


– Claro que sim amor...sempre acredito em você, é só que é estranho....- eu falei pensativa.


– Eu sei pequena...mas você precisa acreditar em mim e precisa POR FAVOR...tomar cuidado e se você o ver novamente, em qualquer lugar que seja...promete pra mim que vai se afastar e não vai deixar ele chegar perto de você? E que vai me avisar imediatamente? Promete? – ele me suplicou com os olhos.


– Prometo. – eu prometi com sinceridade.


– Promete pelo anel?


– Sim, prometo...claro... – e beijei meu anel com amor.


– Obrigada meu amor, você me tira um peso da consciência. – ele falou me lançando um sorriso torto de tirar o fôlego.


Depois das promessas, ele me deitou na cama e me beijou com devoção. O Beijo dele era incrível....eu me excitei na hora...deveria ser proibido beijar como Jacob Black. Ele deixou seu corpo pesar sobre o meu enquanto me beijava e senti sua excitação crescendo ao encontro do meu sexo, deixei escapar um gemido.


– Ahhh....Jake... – falei sem ar – Seu pai pode ouvir...


– Humm....então é bom você gemer baixinho – ele me advertiu brincando.


Ele tirou minha blusinha, deixando meus seios a mostra.


– Aaai Ness, a visão do paraíso...mulher linda... – eu deitei novamente pra ele me dar o que eu queria.

Nós fizemos amor de forma intensa, como só Jacob conseguia, ele me incendiava, bastava seus lábio tocarem os meus, para que eu me perdesse naquele mar escuro, seu gosto era indescritível e só posso admitir que quando nós estamos juntos dessa forma, é como se eu estivesse no céu...e no inferno, no céu pois é divino, surpreendente, surreal, e no inferno porque é quente, prazeroso e pervertido. Amo esse homem lobo, mais do que tudo que possa existir!!!

Nós dois arfávamos.....era bom de mais...-OH GOD Jacob Black era o Deus Grego do Sexo – PQP eu era muito sortuda. Nós começamos a rir........e muito, de felicidade, de amor. Enquanto me aninhava no peito de Jake e ele acarinhava meu cabelo.


– Te amo demais sua devassa.... mulher malvada...– ele falou rindo


– Também te amo demais, cafajeste ditador, adorei meu castigo – nós dois rimos ainda mais.


Rimos muito, conversamos e nos beijamos, Alec podia acabar com nossas vidas depois...nesse momento era só eu, Jake e nosso amor sem vergonha, enquanto lá fora agora chovia, só para me lembrar que eu ainda estava em Forks, não no céu

_____________________________________

Dona Mym..cap. novo!!!! Quero seu comentario...hehehe

aí...eu vi seu review....vc leu o proximo neah, vc é terrível garota...kkkkkkkkk
fique sabendo q vou postar aqui do mesmo jeito e quero comentario hein....
nem que seja esculachando!!!...
bjooooooooo
e agora te espero no Nyah!!! cheers
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://cenografia3d.blogspot.com
Yasmim L
Conhecendo a história de Jasper
Conhecendo a história de Jasper


Idade : 21
Número de Mensagens : 371
Data de inscrição : 19/04/2010
Localização : Brincando com a "comida" nos becos de Volterra com Alec e Demetri... 666'

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Seg 12 Dez 2011, 18:18

hey linda cap tenso esse eim....
pensei q o jake já tinha dado uns chega pra lá no alec...
alec alec menino age logo .... sequestraa essa mulher e some pra volterra /eu faria isso

kkkkkkkkkkkk

claro q vo comentar, adoro ler coisas denovo, eu comento os caps q eu escrevo kkkkkkk
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.deciphermee.tumblr.com
Eme_Sra.Black
No baile de Fork's High
No baile de Fork's High


Idade : 31
Número de Mensagens : 179
Data de inscrição : 19/09/2011
Localização : Olhando o mar do penhasco em La Push...

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Ter 13 Dez 2011, 18:37

kkkkkkkkkkk.....o Alec terá a chance dele....
só mais p/ frente...

vc vai torcer por ele ainda mais amiga....até eu as vezes torço....kkkkkkk
bjoooobjooo
netinhasss
SARA VOLTOOOOOOOUUUUU..... cheers

não canso de repestir isso!!!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://cenografia3d.blogspot.com
saracullen
Sem Edward
Sem Edward


Idade : 23
Número de Mensagens : 208
Data de inscrição : 28/06/2011
Localização : coração de jocob em direção ao infinito

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Qui 15 Dez 2011, 09:24

voltei vovô
to morrendo de saudades da sua fic.
só falta eu ler os dois ultimos cap postados pra ficar quite com o seu top vovo
esse povo desse forum ta ficando pervertido e eu to adorando esses personagens.
vou aguarda um cap que vai ser em minha homenagem, que alguem prometeu a uma
netinha que tava sumida e voltou.

muitas saudades de vcs e eu não me canso de dizer isso !!!!

agora minha vida ta completa.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Eme_Sra.Black
No baile de Fork's High
No baile de Fork's High


Idade : 31
Número de Mensagens : 179
Data de inscrição : 19/09/2011
Localização : Olhando o mar do penhasco em La Push...

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Qui 15 Dez 2011, 17:13

ownnnnn meu amoooorrrr!!!! a netinha mais fofa q eu tenho!!!!

a Mym é a netinha mais travessa.... Twisted Evil

enfim....vamos ao cap.

que eu dedico todo e completamente a minha netinha linda linda de morrer...SARAAAAAAA.........que voltou para nós...nos trazendo mta felicidade!!!!

bem vinda de volta ao lar!!!!!! >}


bora ler aí, q o cap. tah tenso!!!!...hehehe







Capítulo 15 – POV Alec Volturi – Destinos



Quando eu e minha irmã viemos de Volterra para essa cidade chamada Port Angeles, nosso objetivo era achar um colar. Não era um colar qualquer, ele tinha um cristal em formato de prisma, que ao colocá-lo em seu pescoço você poderia saber os sentimentos que todos estavam sentindo, era só colocar o colar e você imediatamente sabe se a energia que aquela pessoa está te enviando é boa ou é ruim, se está em duvida, apaixonada, brava ou com ciúmes, ou seja, com ele, seria muito difícil esconder uma mentira de você. E Aro assim que soube onde esse brinquedinho estava, mandou a mim e minha irmã nessa missão sem sentido.


Aro disse que só confiava em mim e em Jane para trazer o colar em segurança, sem correr o risco de querer o mesmo para nós. Só sendo muito manipulador mesmo para achar que qualquer um ia querer uma -sou bonzinho e não uso palavrões no fórum alheio- dessas.....Aff as vezes isso tudo me cansa. Só de saber como esse colar surgiu e veio parar nesse buraco que é Port Angeles você vê o quão o mundo é maluco.


Flash-back on:


“ – Alec, meu jovem, você tem que entender que esse colar é único e tal como tudo que é singular nesse mundo...eu o quero pra mim. Esse colar surgiu em 1807, uma bruxa chamada Yvana Hale que morava em Houston, no Texas, o fez, do mais puro cristal, o banhou por sete anos nos sangues de humanos e animais, diariamente o energizando com as luas (Nova, cheia, minguante e crescente), lançando seus encantamentos poderosos. Ela era ainda jovem quando o fez, tinha 20 anos, uma jovem donzela. Mas quando eu soube dessa história maravilhosa ela já havia falecido e deixado o colar para seu neto que assim como ela, havia aprendido com esse colar, a sentir as emoções alheias...Esse miserável sumiu no mundo quando tinha 17 anos e pra minha total surpresa por volta de 1860 ele se tornou vampiro, nessa época ele já estava com quase 25 anos, eu soube por fontes confiáveis que havia um novo exército de vampiros recém formados no México e mandei que exterminassem. Imagina como não foi minha surpresa, quando descobri que o jovem líder vampiro combatente tinha um colar com as características que eu queria, mas quando mandei buscá-lo....ele fugiu novamente, rodando pelo mundo, nunca mais eu havia conseguido encontrá-lo.


– Mas como o senhor sabe que esse colar foi parar nessa tal de Port Angeles? – perguntou Jane.


– Minha cara, a alguns anos, ele resolveu se instalar na pequena cidade de Forks por alguns dias, ele sempre viajava para tentar nos confundir, pelo que eu sei, lá chove bastante, facilitando a vida para andar durante o dia. Demetri farejou o cheiro dele até essa cidade, quando o encontrou eles lutaram, Demetri me contou um fato interessante, me disse que o infeliz estava agora com olhos dourados, ainda não descobri como ele fez isso, mas foram impedidos de continuar a briga pelos lobos..


– Tem lobos tipo...lobisomens? Nessa região? – eu perguntei, isso não é nada bom.


– Sim, meu caro, mas eles são Transmorfos, não são filhos da lua. Eles são de uma tribo indígena e se transformam durante o dia também. Mas eles guardam uma região específica, não se preocupem, eu vou instalá-los longe da reserva. Mas voltando ao assunto, quando os lobos entraram na briga, ele fugiu, mas Demetri o pegou na região de Port Angeles, uma cidade próxima a Forks. Eles lutaram novamente, mas quando o maldito percebeu que ia perder a batalha, arrancou o colar e o jogou do penhasco. O problema, é que nesse local, tem um rio imenso, tem uma floresta densa, muitos animais, folhas, pedras....enfim...Demetri continuou sua caçada e deixou o colar pra trás – Ele fez uma careta de reprovação, provavelmente não gostou nada disso.


– Por isso meus queridos...quero que vão lá e revirem cada canto daquele lugar, vocês vão morar lá, até encontrar meu precioso colar - Ele finalizou com um sorriso paternal no rosto.


Eu não sorri, nem Jane.


– Ora queridos, não fiquem assim, o que são dois ou três anos para quem tem a eternidade, ainda estou sendo complacente e enviando os dois irmãos para que não sintam saudades um do outro....agora podem ir...arrumem suas coisas...vocês partem amanhã. – ele falou gesticulando para que saíssemos.


– Mestre, só mais uma coisa...o Demetri pegou esse vampiro? – eu perguntei por pura curiosidade.


– Não, não pegou, o miserável fugiu de novo. – ele falou entredentes visivelmente irritado.


– Err....mestre, quem é ele? Qual o nome desse infeliz?


– Jasper Hale....o maldito escorregadio. – ele finalizou.”


Flash-back off



Já tem dois anos que estou aqui com a minha irmã, ainda não encontrei droga nenhuma de colar, eu e Jane resolvemos trabalhar para ocupar nossas mentes um pouco. Fizemos uns diplomas falsos e fomos trabalhar com o que gostamos e para nossa total surpresa tinha uma empresa nesse fim de mundo...Genética...era intrigante, pois nós éramos diferentes, logo, tudo que era diferente na genética nos intrigava, eu e Jane ficávamos horas, conversando sobre isso. Eu e minha irmã nos dávamos muito bem, à noite, nós procurávamos o maldito colar e em fins de semana saíamos para caçar em Seattle. Durante esses anos, tivemos que comprar estoques infinitos de lentes de contato escuras, mas as lentes não duravam mais que algumas horas. O veneno em nosso corpo a destruía, mas nós trocávamos sempre...sempre tinha um monte em minha mochila e na bolsa da Jane.


Meu relacionamento com minha irmã ficou um pouco defasado quando encontrei um novo hobby.


Jane ficou simplesmente maluca quando contei a ela como eu andava me divertindo com as minhas presas, disse que era nojento, se envolver com humanos só sendo muito doente. Mas eu não me importava...eu lembro bem de uma noite....a primeira...que foi incrivelmente bom.


Flash-back on:


Era um sábado de uma tarde chuvosa em Port Angeles, o que era muito bom, assim eu poderia sair como um humano normal. Fui dar umas voltas, eu estava extremamente entediado com a minha nova vida de “caçador de jóias” que não estava adiantando em nada. Parei numa praça e fiquei observando os humanos passarem, comida, eu sempre os via dessa forma, mas ao mesmo tempo sempre achei intrigante observar seus costumes que com o passar dos anos, mudou muito. Estava distraído em meus pensamentos quando senti um humano se aproximar de mim, me virei para olhar, era uma menina bonita, morena clara, com cabelos escuros, de sorriso fácil.


– Olá, você parece tão distraído que acho que vou te incomodar se eu me sentar aqui – ela perguntou sorrindo.


Eu sorri de volta e dei espaço para ela sentar. Nós conversamos um longo tempo, ela estava totalmente caída por mim....os humanos eram muito fáceis de manipular. Eu vi ali uma oportunidade de me alimentar. Mas nós conversávamos bastante e decidimos ir para um bar próximo.


O álcool tem um efeito engraçado em nós vampiros, eles nos deixam um pouco mais lentos e meio bobos, mas o efeito passa extremamente rápido, devido o nosso metabolismo, fora o gosto que é horrível, mas se bebermos uma grande quantidade de álcool é o mais próximo de sermos humanos que conseguimos chegar, é divertido.


Depois de muita conversa, ela me convidou para ir a casa dela. Nós entramos em seu quarto e ela me contou segredos de sua vida....eu quis contar os meus...ela estava meio alta pelo álcool....então eu pensei em algo, muito diabólico.


Eu contei a ela, tudo o que eu era, minha vida noturna, deixei que pegasse em minha pele e deixei queimar a lente em meus olhos, os deixando completamente vermelhos...eu percebi nessa hora que o desconhecido deixa as mulheres fascinadas e então eu a beijei.


Seus lábios quentes, queimaram minha garganta....eu queria sangue...queria o sangue dela...mas percebi também, que eu conseguia me segurar...embora doesse...muito...eu a beijava...ela tirou a roupa...eu tirei a minha...eu a deitei na cama, coloquei meu corpo gelado sobre o dela...ela gemeu de prazer....e eu gemi de dor....estava ardendo de cede, de vontade de beber seu sangue....minha garganta queimava loucamente, mas eu não cedi....cedi apenas ao que ela estava me pedindo.


– Me possua Alec...eu quero ser sua essa noite – ela falou entre suspiros e gemidos.


Eu a beijei vorazmente e introduzi meu membro em sua pele quente. Ela estava úmida, e o cheiro de sua excitação inundou todo o quarto, ela gemia apertando suas unhas em minhas costas, enquanto eu ia num vaivém lento, eu nem me lembrava a ultima vez que tinha feito sexo com uma vampira, eu odiava aquelas orgias com vampiras sem escrúpulos, eu não gostava de mulher vadia.


Mas com uma humana, eu nunca tinha transado, era estranhamente excitante, a pele quente dela me instigava a ir mais fundo, o cheiro de sexo me excitava, eu rosnava, enquanto me segurava para não machucá-la....mas assim, eu nunca chegaria ao orgasmo...estava muito lento.


Não teria como eu me satisfazer, pois se eu fizesse com a intensidade que eu queria, eu acabaria por matá-la. Fato.


– Se eu te possuir como tenho vontade....vou acabar te matando...eu sou muito forte.. – eu fui sincero.


– Então me mata....estou louca para ser morta por você...você tem um cheiro inebriante, sua pele gelada em contato com a minha me arrepia...me excita...por favor.....me devora... – ela falou fechando os olhos e apertando suas pernas em minha cintura, me puxando para mais perto.


Eu sorri, um sorriso perverso, enquanto a dor aumentava minha sede, eu introduzi, mais rápido, mais forte....ela gritava...muito...então eu fui bonzinho...lancei minha névoa poderosa sobre ela...anulando os efeitos das dores....e ela sorriu...embriagada de prazer....eu ri também...mas doía demais, minha garganta estava em chamas...mas eu conseguia me segurar...ficamos um tempo assim, nesse sexo selvagem e gostoso até que senti suas contrações apertando meu membro, isso me deixou maluco, mordi meu lábio inferior, enquanto sentia o cheiro de sangue em suas veias e me segurei para não matá-la.


Tive um orgasmo imensurável, enquanto ela gemia loucamente gozando também....deixei ela respirar.... e então sussurrei em seu ouvido, enquanto lançava minha névoa, até que ela perdesse a consciência, num sorriso eterno.


– Boa noite donzela, tenha bons sonhos – e quando ela apagou, me inclinei mordendo seu pescoço, chupando o sangue que eu tanto ansiava, até a ultima gota.....”


Flash-back off



Foi um dos prazeres mais incríveis que já senti, em todos os sentidos, e depois disso, passei a me alimentar assim, dando prazer e sentindo prazer e dor, até o último segundo. E eu sempre contava quem eu era, elas sempre aceitavam e claro eu sempre tinha que matá-las, humano algum que sabe a verdade sobre nós pode viver...isso era uma forma de eu conseguir matá-las depois, uma garantia, eu tinha medo de fraquejar, mas se eu contasse a verdade, teria que matá-las de qualquer jeito...isso aliviava minha culpa. A Jane tem razão, eu devo ser bem doente mesmo, doente e masoquista, aquela dor era maravilhosa.


Mas nada se compara a loucura em que eu me meti, desde que vi Renesmee Cullen, entrando pela porta da empresa em que eu trabalhava.

Ela era uma mulher linda, tinha um jeito de falar e de se mexer que era extremamente sexy. E seu sangue....ahh seu sangue...ele pulsava doce em seu pescoço, misturado ao seu cheiro. Ela era inteligente, engraçada, esperta...tudo que busquei em uma mulher. Eu a queria pra mim, não importava como, sempre fui meio egoísta mesmo, nesses meus quase 200 anos, eu vi muita mulher, mas nenhuma ainda tinha mexido comigo desse jeito.


Até que um dia quando eu já estava quase conseguindo uma aproximação mais íntima...ela estava quase cedendo. Eu senti aquele cheiro maldito que eu venho sentindo a tanto tempo, cheiro de cachorro molhado, só que dez vezes mais forte – Lobisomens – O que esse desgraçado está fazendo aqui? – eu pensei. Mas quando ele falou minha mulher, eu entendi tudo.


Mas que -sou bonzinho e não uso palavrões no fórum alheio-, dois anos vivendo nessa -sou bonzinho e não uso palavrões no fórum alheio- de cidade, me mantendo completamente distante desses infelizes, eu venho me apaixonar pela mulher daquele maldito cachorro alfa...PQP...quanto azar...


Eu ainda dei uma provocadinha, mas quando vi que ele ia perder o controle, eu fugi...claro, não estava nos meus planos entrar numa briga assim...meus planos eram outros. Eu daria tempo a ela...minha linda pedra preciosa, daria um tempo para aquele maldito cão respirar...


Quando voltei pro meu carro e cheguei em casa, uma casa bem afastada de Port Angeles, eu liguei para o Aro.


– Boa Noite Mestre, espero não estar lhe incomodando – eu odiava interromper uma refeição dele, ou uma execução.


– Boa noite querido Alec, a que devo a honra de sua ligação? – ele perguntou visivelmente interessado.


– Tenho uma proposta a lhe fazer Mestre. – eu falei sem pestanejar.


– Pois diga, estou ficando curioso. – ele falou quase exigindo.


– Eu gostaria de lhe propor a seguinte situação.........Eu achei uma humana, que me deixou completamente louco, eu a quero como esposa mestre...assim como os três grandes mestres que tenho...e que tem as suas belas esposas...eu gostaria de transformá-la para que ela seguisse comigo pela eternidade mestre, meus últimos 200 anos foram bons, porém solitários...mas os próximos eu gostaria de uma companheira...e assim que eu achar seu colar, eu gostaria de levá-la junto comigo, para ser minha companheira e esposa. – eu falei tudo de uma vez...sem rodeios...se eu tivesse um coração, com certeza estaria pulsando de nervoso.


– Humm...que interessante Alec...então posso supor que vai procurar meu colar com mais afinco certo? Isso é bom...muito bom...- ele parecia refletir sozinho – Claro querido, pode trazer sua humana, assim que achar o colar, tem permissão para tê-la como esposa....agora devo me apressar, meus deveres me esperam. – ele disse finalizando.


– Claro mestre, muito obrigada, significa muito. – falei desligando.

Olhei para a porta e Jane estava com a boca aberta me encarando.


– Esposa Alec? Você só pode estar brincando.


Não, eu não estava...Renesmee seria minha, pela eternidade


__________________________________________________________________

Caracaaaa....mto pervo esse Alec...kkkkkkkk...
ele come suas refeições...literalmente.... =D

A Nessie tá ferradaça na mão dele....kkkkkkkkkk....
Desculpe Sarinha se seu cap. foi meio maluco...mas foi diferentaço!!! :<

bom.....jasper hein...
quem diria....kkkkkkkkk
em breve saberemos o que se passa em Forks!!!
bjooooooo
amo vcs netinhas do meu core

Voltar ao Topo Ir em baixo
http://cenografia3d.blogspot.com
Victoria Cullen Black
Na clareira com Edward e Bella
Na clareira com Edward e Bella


Idade : 20
Número de Mensagens : 63
Data de inscrição : 15/12/2011
Localização : Em La Push com Jake....

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Qui 15 Dez 2011, 21:24

OI Eme_Sra.Black

TO AMANDO A FIC =D
continua escrevendo
to loca pra saber o fim
vc é uma OTIMA escritora

BEIJOSSS >}


Vic Black xoxo
Voltar ao Topo Ir em baixo
Victoria Cullen Black
Na clareira com Edward e Bella
Na clareira com Edward e Bella


Idade : 20
Número de Mensagens : 63
Data de inscrição : 15/12/2011
Localização : Em La Push com Jake....

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Sex 16 Dez 2011, 07:37

OI
Sou nova aqui nao sei muitas coisas
do site mas to AMANDO
e a fic


Beijos Vic Black
Voltar ao Topo Ir em baixo
Yasmim L
Conhecendo a história de Jasper
Conhecendo a história de Jasper


Idade : 21
Número de Mensagens : 371
Data de inscrição : 19/04/2010
Localização : Brincando com a "comida" nos becos de Volterra com Alec e Demetri... 666'

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Sex 16 Dez 2011, 09:00

G-ZUIS ALEC ME COME /confessei
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
cara essa fic me torna perva demais... to querendo um alec pervo agora..
vo escrever uma fic em q ele vai ser pervo PROMESSA

Dexa só vc dona eme,... to aqui esperando cap novo como sempre =D
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.deciphermee.tumblr.com
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Hoje à(s) 09:13

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 4 de 13Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5 ... 11, 12, 13  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Fanfic - De Deus A Semideus
» [Fanfic] - O Traidor
» Inscrições pra minha fan fic
» O Meio-Sangue Filho de dois deuses
» A vida de um meio sangue.

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Doce Vampiro :: FORKS NEWS :: FanFics-
Ir para: