Doce Vampiro
BEM VINDO!!!!

Registre-se, ou faça seu login, e divirta-se conosco!!!
Doce Vampiro

Quando o leão se apaixona pelo cordeiro...
 
InícioInício  GaleriaGaleria  Registrar-seRegistrar-se  LoginLogin  
Buscar
 
 

Resultados por:
 
Rechercher Busca avançada
Últimos assuntos
» Rising Sun(Sol Nascente) A história de Renesmee
Sab 24 Maio 2014, 21:15 por janaisantos

» NightFall Continuação da Fic Rising Son (Sol nascente) A história de Renesmee
Sab 24 Maio 2014, 20:23 por janaisantos

» Cullen Favorito (fora o Ed)
Seg 20 Maio 2013, 02:10 por Claudia Coleridge

» Se você pudesse viver para sempre, pelo que valeria a pena morrer ?
Sex 26 Abr 2013, 07:51 por saracullen

» New Night .... trilhando novos caminhos
Sex 26 Abr 2013, 07:29 por saracullen

» Nova por aqui!
Ter 19 Mar 2013, 21:42 por Vitoria Lazar

» Recém Chegada
Ter 19 Mar 2013, 21:38 por Vitoria Lazar

» Parede de sangue
Ter 08 Jan 2013, 08:44 por Marina cullen

» O Vampiro que descobriu o Brasil
Qua 21 Nov 2012, 18:32 por Ivinny Viana Barbosa

» Vampirismo
Ter 20 Nov 2012, 19:18 por Gaby D. Black

» O que você faria...?
Ter 20 Nov 2012, 18:54 por Gaby D. Black

» [Fic] Sol da meia-noite
Qui 15 Nov 2012, 09:34 por Gaby D. Black

» Qual foi sua cena preferida em Amanhecer ??
Qui 05 Jul 2012, 14:09 por G@by Swan

» Primeiras imagens de Amanhecer - Parte 2
Qui 05 Jul 2012, 13:45 por G@by Swan

» The Emotionless Shadow | Tudo Tem Um Preço
Dom 27 Maio 2012, 18:00 por gisamachado

» FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia
Dom 27 Maio 2012, 15:48 por Tânia

» Solstice, the sequence of Blizzard | Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.
Dom 27 Maio 2012, 14:46 por Yasmim L

» As mudanças do cabelo de Edward
Qua 23 Maio 2012, 22:09 por celina62

» O que você mudaria no Rob?
Sab 14 Abr 2012, 20:48 por Marina cullen

Navegação
 Portal
 Índice
 Membros
 Perfil
 FAQ
 Buscar
Fórum Irmão

Compartilhe | 
 

 Solstice, the sequence of Blizzard | Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2, 3  Seguinte
AutorMensagem
Yasmim L
Conhecendo a história de Jasper
Conhecendo a história de Jasper


Idade : 21
Número de Mensagens : 371
Data de inscrição : 19/04/2010
Localização : Brincando com a "comida" nos becos de Volterra com Alec e Demetri... 666'

MensagemAssunto: Solstice, the sequence of Blizzard | Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.   Qui 16 Fev 2012, 16:24


1. A saga Twilight não nos pertence. (Se pertencesse muitas coisas seriam diferente)
2. Essa Fanfic é a continuação da Fanfic Blizzard.
3. A Fanfic é de minha autoria e de minha amiga @Steffs.
4. Nós não gostamos de leitores fantasmas, muito menos somos videntes. Então se você lê a Fic, de um UP ou outro sinal de vida qualquer ok? Só para termos certeza de que a Fic não tá sendo postada atoá.
5. Comentários são sempre bem-vindos (Sendo eles positivos ou não)
6. Se tudo der certo a Fic será postada uma vez por semana por mim ou pela Tekka.
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.deciphermee.tumblr.com
Yasmim L
Conhecendo a história de Jasper
Conhecendo a história de Jasper


Idade : 21
Número de Mensagens : 371
Data de inscrição : 19/04/2010
Localização : Brincando com a "comida" nos becos de Volterra com Alec e Demetri... 666'

MensagemAssunto: Re: Solstice, the sequence of Blizzard | Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.   Qui 16 Fev 2012, 16:40


Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.
Prólogo
Não chores mais o erro cometido;
Na fonte, há lodo; a rosa tem espinho;
O sol no eclipse é sol obscurecido;
Na flor também o inseto faz seu ninho;

Erram todos, eu mesmo errei já tanto,
Que te sobram razões de compensar
Com essas faltas minhas tudo quanto
Não terás tu somente a resgatar;

Os sentidos traíram-te, e meu senso
De parte adversa é mais teu defensor,
Se contra mim te excuso, e me convenço

Na batalha do ódio com o amor:
Vítima e cúmplice do criminoso,
Dou-me ao ladrão amado e amoroso.

William Shakespeare

Não importa quão boa seja uma pessoa, o quão importante você seja para ela. Um dia ela há de feri-lo, ela há de magoá-lo e você precisara perdoá-la por isso.
Porque você nunca terá a coragem necessária para caminhar em direção ao sol a deixando para trás. Você precisa dela para respirar. Precisa dela para nomear o ato de existir, como vida.


-----------------------------------

E então meninas, curiosas?
Apartir de agora Solstice vai ser postado toda Sexta-feira, como era Blizzard.
Estava com saudades disso tudo. >}
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.deciphermee.tumblr.com
Marina cullen
Na clareira com Edward e Bella
Na clareira com Edward e Bella


Idade : 19
Número de Mensagens : 66
Data de inscrição : 19/01/2012
Localização : Nunca distante de vampiros

MensagemAssunto: Re: Solstice, the sequence of Blizzard | Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.   Sex 17 Fev 2012, 16:58

Muito bom, adoro ficar curiosa !!!!
Gostaria que vcs comentassem alguma coisa sobre "Parede de sangue" não sei se agradei.
Please
Voltar ao Topo Ir em baixo
Yasmim L
Conhecendo a história de Jasper
Conhecendo a história de Jasper


Idade : 21
Número de Mensagens : 371
Data de inscrição : 19/04/2010
Localização : Brincando com a "comida" nos becos de Volterra com Alec e Demetri... 666'

MensagemAssunto: Re: Solstice, the sequence of Blizzard | Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.   Sex 17 Fev 2012, 20:03

agradou sim, eu gostei study qro ler mais.. sério não pare de escrever okey?

e q bom q te deixei curiosa, mais não lembro muito de vc no topico de blizzard.. vc leu?

anyway, qualquer coisa começa a ler agora, sem problemas kkkkkkkkk

já tá terminada msm,.. ai fika mais facil ler tudo rapidin....

não apre de acompanhar solstice eim =D vai ser um prazer te ver por aqui
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.deciphermee.tumblr.com
Eme_Sra.Black
No baile de Fork's High
No baile de Fork's High


Idade : 31
Número de Mensagens : 179
Data de inscrição : 19/09/2011
Localização : Olhando o mar do penhasco em La Push...

MensagemAssunto: Re: Solstice, the sequence of Blizzard | Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.   Sab 18 Fev 2012, 14:07

Oiieee Mym, minha netinha perva do coração!!!
quero deixar registrado que eu simplesmente AMEI essa capa lindona que vc fez!!! Linda demais e o nome da fic tbm é espetacular!!!
Ou seja...


Só uma idéia do quanto essa fic vai ser maravilhosa!!! Certeza!!

vou acompanhar aqui sempre sempre!!

...bjos de morango p/ vc!!
bjos de morango p/ vc

Kd a Tekka hein???
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://cenografia3d.blogspot.com
Yasmim L
Conhecendo a história de Jasper
Conhecendo a história de Jasper


Idade : 21
Número de Mensagens : 371
Data de inscrição : 19/04/2010
Localização : Brincando com a "comida" nos becos de Volterra com Alec e Demetri... 666'

MensagemAssunto: Re: Solstice, the sequence of Blizzard | Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.   Sab 18 Fev 2012, 18:17

gosto da capa eme? -tbm axei tão linda...

hum e o nome... tipo é solsticio néah, todo mundo sabe q solsticio é o dia do ano em q o dia dura mais, mas no meu caso eu peguei o solsticio de inverno que é o contrario... a noite dura mais...

por isso o subtitulo> por mais escura que tenha sido a noite, o sol sempre vem pela manhã

axo q por isso já dá pra sakar mais ou menos oq vai acontecer = mais problemas

olha vo contar cum vc aki msm eim.. a sara parece ter sumido.. -q dó..

e a tekka sem comentários..kkkkkk
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.deciphermee.tumblr.com
saracullen
Sem Edward
Sem Edward


Idade : 23
Número de Mensagens : 208
Data de inscrição : 28/06/2011
Localização : coração de jocob em direção ao infinito

MensagemAssunto: Re: Solstice, the sequence of Blizzard | Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.   Qui 23 Fev 2012, 09:00

oi a sara não sumiu linda, to volta
sem comentarios sobre essa capa linda,. mym vc é sempre tão criativa assim ?

bom vim dizer que estarei aqui, em mais uma jornada.

eu tava com tanta saudades!!!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Yasmim L
Conhecendo a história de Jasper
Conhecendo a história de Jasper


Idade : 21
Número de Mensagens : 371
Data de inscrição : 19/04/2010
Localização : Brincando com a "comida" nos becos de Volterra com Alec e Demetri... 666'

MensagemAssunto: Re: Solstice, the sequence of Blizzard | Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.   Qui 23 Fev 2012, 18:06

oin sara minha linda vc apareceu por aqui, tava morrendo de saudads de vc bebe
vcs realmente curtiram a capa da fic .. Embarassed
feliz com isso.. tudo nessa fic está sendo feito com muito carinho..
a tekka.. falei com ela esses dias e ela tá sem net.. é isso é triste mais sem problemas.. daqui a pouco ela tá de volta a toda...

e galera do meu coração.. mais tarde volto e posto o primeiro capitulo
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.deciphermee.tumblr.com
Yasmim L
Conhecendo a história de Jasper
Conhecendo a história de Jasper


Idade : 21
Número de Mensagens : 371
Data de inscrição : 19/04/2010
Localização : Brincando com a "comida" nos becos de Volterra com Alec e Demetri... 666'

MensagemAssunto: Re: Solstice, the sequence of Blizzard | Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.   Qui 23 Fev 2012, 19:13

Chapter I

- E então, como estou? – Nez saiu do banheiro vestindo o minúsculo vestido vermelho que eu havia comprado para ela e um par de botas de couro, ela estava linda.
- Pergunte para o Alec. – Esbanjei malicia. Sua maquiagem estava pesada e suas bochechas continuavam coradas, como sempre.
Eu ia finalmente pagar um promessa essa noite. Ela ia viver um pouco. Henry havia levado minha idéia a sério e nesses últimos meses que se passou ele conseguiu abrir uma filial da Gormogon no centro de Seattle, e eu havia prometi levar Nez para dançar, não havia. A noite era perfeita. Dentro de três horas seria vinte quatro de Outubro, meu aniversário. Firmei um acordo com Alice, a noite de meu aniversário seria dela, mas a madrugada seria minha e eu comemoraria do meu jeito.
- Meu pai vai me matar quando me ver saindo desse jeito. – Ela suspirou já com a mão na maçaneta da porta do quarto.
- É meu aniversário. Ele não pode falar coisa alguma. – Entrei na frente dela, abri a porta e sai a puxando escada abaixo. Ela nunca teria coragem de descer por conta própria.
Todos que estavam na sala de estar se chocaram quando viram Nez vestida de tal forma. Ela não estava vulgar. Era impossível ela ser vulgar. Mas mesmo assim estava chocante.
- Foi a Elle que me mandou vestir isso. – Ela explicou como um pedido de desculpas.
- Ela não pode ir a uma boate fantasiada de freira. – Rebati, segurando o riso que o rosto de Edward estava me causando. – Vamos logo antes que o coração de seu pai volte a bater somente para enfartar. Ela vai estar bem, ela vai estar comigo. – Pensando bem... – Isso não foi muito reconfortante. Ela vai estar com Alec. Agora soou melhor. – Saimos antes que fossemos impedidas. Karl e Alec estavam nos esperando na estrada, cada um encostado em seu carro. O Bentley de Karl e a BMW Concept X1 branca novinha que Alec havia comprado ontem. Foi engraçado ver a cara de bobo de Alec e a intensidade do vermelho nas bochechas de Nez, quando eles se encontraram... Essa noite iria ser impagável.
Karl ficou lá, em pé, encostado na minha porta do carro, me encarando como se estivesse me vendo pela primeira vez.
- Posso entrar? Ou vamos ficar parados aqui a noite inteira? – Perguntei, arqueando uma sombracelha quando tentei abrir a porta, mas ele não se mexeu.
- Você está extremamente tentadora. – Esse foi seu comentário sobre a minha camiseta branca com um decote enorme na frente, que deixava meu sutiã de paetês completamente a mostra, e era rasgada nas costas, meu short de couro e meu par de ankle boots Christian Louboutin. – Seria uma boa atitude manter distância de minhas mãos essa noite.
- Sempre o mesmo Karl. - Sorri de lado.
- Vou considerar isso um elogio. – Ele abriu a porta pra mim, me dando seu belo sorriso torto, aquele que ainda me fazia arfar procurando por oxigênio.
- Então Dan realmente não vai? – Ele me perguntou após ter andado alguns quilômetros.
- Ele... Não sei, ele parece não agüentar ficar tanto tempo perto de mim... Acho que ando sendo uma péssima irmã. – Verdade, acredito que acabei sendo grudenta demais, sempre que tinha um motivo, Dan fugia de mim. Como agora, ele disse que iria com Jane caçar para os lados do Canada. O que eu podia fazer se Jane parecia ser melhor companhia para meu irmão que eu? Eu também havia roubado seu irmão nos últimos anos não havia? Eu estava de mãos atadas.
- Você não está sendo uma péssima irmã, ele que é louco por manter distância de você. Quem em sã consciência prefere te manter longe? – Ele se perdeu em suas palavras. Estranho, ele estava nervoso. Não conversamos mais até chegarmos a nova boate do Henry. Encontramos Nez e Alec no bar. A boate era realmente perfeita, um sonho psicodélico, cores, luzes, meus olhos brilhavam. Puxei Nez para o meio da pista e deixei minha mente desconexa do meu corpo.
Dançei. Sem sequer querer saber qual era a musica que estava tocando. Naquele momento era só eu. Dançando no escuro. Não importava mais nada. Se Karl estava estranho. Se Dan fugia de mim. Se já estava na hora de eu me mandar dessa família. Se eu já estava tomando tempo demais dos Cullen. Que Aro ainda estava por aí e se essa sensação de todos saberem de algo que eu não tenho noção dominava meu intimo secretamente. Já ouviu falar que a musica é a religião de alguns? Essa noite eu estava rezando fervorosamente.
Bebemos. Não muito, mas o bastante para Nez ficar bêbada. Edward ia me matar, mas o que importa? Ele nunca bebeu? Ela bêbada era impagável. Perdia completamente aquela vergonha absurda. Libertava sua promiscuidade. Será que ela sabia que amanhã lembraria de tudo? Nossa memória não se afeta com o álcool como os humanos, ela permanecesse perfeita e cristalina. Com certeza ela sentiria vergonha de Alec, porque nesse instante ela estava sentada em cima da mesa que estávamos o beijando intensamente, sem sequer se preocupar se o seu vestido tinha subido e mostrava suas pernas completamente. Era eu olhar pra ela e eu caia numa crise profunda de risos.
Eu e Karl começamos a nos divertir com os humanos, era tão engraçado ver como as mulheres voavam para cima dele, com um simples olhar. Elas ficavam se esforçando para ganha-lo, para tê-lo, quando eu me cansava de observar eu simplesmente me virava e o beijava com todo o meu fulgor, para ódio das pretendentes. Engraçado mesmo era ver o ciúmes de Karl em ação, mais como ele era territorialista. Eu era como a área 51, ninguém chegava perto de mim sem antes passar por ele.
- Feliz aniversário Elle! – Eu e Nez brindamos, ela com Coca, eu com champagne. Já era meia noite, meu aniversário acabara de começar. O melhor de todos com certeza.
- Feliz aniversário gostosinha! - Um babaca derrubou Martini em mim, eu estava completamente melada, mas o que importa? Eu tive uma idéia quase que instantaneamente. Sai puxando Karl pela multidão, ele me travou assim que percebeu pra onde estávamos indo.
- Banheiro feminino? – Ele riu, já entendendo o que eu queria.
- Preferi o masculino? – Sussurrei bem perto de seus lábios, seu olhar já estava entregue, ele era meu.
- Vai ser mais engraçado. – Ele me prensou contra a parede, sua mão no alto da minha coxa, a outra percorrendo as minhas costas. Que seja o masculino. Karl entrou primeiro, íamos brincar. Entrei no banheiro logo em seguida, ainda com a taça na mão e o olhar de todos se voltaram contra mim.
- Perdida loirinha? – Um cara que estava lavando as mãos veio para cima de mim, lançando todo seu charme, realmente era mais engraçado.
- Na verdade, estou procurando por um tal de Karl, quem aqui é Karl? – Derrubei um pouco da Champagne enquanto falava, para parecer uma menina bêbada maluca.
- Posso ser quem você quiser. – Foi a resposta de muitos caras que estavam ali.
- Eu, eu sou o Karl. – Karl se identificou, ele estava na pia mais distante, apoiado, aparentemente esperando sua vez.
- Então você é o meu cara sortudo. – Fui indo em sua direção, me controlando para não rir. – Sabe tem exatamente 15 minutos que começou meu aniversário, minha amiga me disse que você seria meu presente. – Ele riu, o meu sorriso torto, eu estava entregue, em termos é claro, virei o resto da Champagne e coloquei a taça na bancada, o prendendo entre a pia e meu corpo.
- Surpresa! – Ele não falou a palavra, ele brincou com ela em seus lábios. Aquilo era demais para mim, mordi seu lábio e o puxei. Alguns caras riram, outros assoviaram, alguns ficaram boquiabertos, outros ficaram assistindo, como se fossemos um filme pornô ao vivo, mas ali não se tratava mais da brincadeira, era só nós dois, não havia mais ninguém, só nós.
Ele me beijou loucamente sua mão em meu cabelo a outra descendo pela minha cintura até minha perna, fomos andando para trás, até minhas costas baterem contra a porta de um reservado. Ele o empurrou, sorte que estava vazio, o trancou, me pegou em seu colo e me prensou contra porta. Um êxtase me dominou, ele era minha melhor droga, eu estava absolutamente viciada nele. Sua língua percorreu a pele do meu colo, me lambeu, me bebeu, chupou meu pescoço, minhas mãos desceram, brincaram.
- Você está feliz? – Ele sussurrou em meu ouvido, ele só podia estar brincando. Se eu estava feliz? Eu estava extasiada.
- Você é o meu melhor presente de aniversário. – Respondi, transparecendo todo meu êxtase. Ele abafou uma risada e me puxou para mais um beijo louco, insano, exagerado.
Minha mente estava tão aberta que resolveu dar um passeio e me deixar a sós com meus sentidos, porque eu não me acostumava a ele? Porque sempre parecia uma descoberta? Uma nova pessoa? Porque isso tudo importa? Não, não importa. A única coisa que importa aqui somos nós. Nós dois dançando incansavelmente a dança do amor. Eternamente. Nós dois.


-----------------
primeiro capitulo, ainda tem muito.. muito praa acontecer.. mas então mataram a saudade?
a elle anda tão safadeenha não?
coitada já tá sacando q tem coisa acontecendo por debaixo dessa felicidade toda
e o dan? tá correndo dela pq?
*-* espero q gostem desse primeiro cap =D
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.deciphermee.tumblr.com
saracullen
Sem Edward
Sem Edward


Idade : 23
Número de Mensagens : 208
Data de inscrição : 28/06/2011
Localização : coração de jocob em direção ao infinito

MensagemAssunto: Re: Solstice, the sequence of Blizzard | Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.   Sex 24 Fev 2012, 06:32

linda não deu pra ler hoje seu cap.
quero ler com calma, mas já to curiosa pra saber o
que a Elle e Kal andam aprontando.

saudades, bjjssss!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Rayssa
Chegando a Forks
Chegando a Forks


Idade : 24
Número de Mensagens : 2
Data de inscrição : 24/02/2012
Localização : São Paulo-brasil

MensagemAssunto: Re: Solstice, the sequence of Blizzard | Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.   Sab 25 Fev 2012, 18:56

Muitoo bom esse solstice.........amei ....continue postando (+vv+)vammp
Voltar ao Topo Ir em baixo
Yasmim L
Conhecendo a história de Jasper
Conhecendo a história de Jasper


Idade : 21
Número de Mensagens : 371
Data de inscrição : 19/04/2010
Localização : Brincando com a "comida" nos becos de Volterra com Alec e Demetri... 666'

MensagemAssunto: Re: Solstice, the sequence of Blizzard | Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.   Sab 25 Fev 2012, 20:14

sara linda comparecendo aqui =D teamo bbê .. l~e o cap quando tiver tempo..
nenhum problema nisso... o cap vai estar aqui msm te esperando.. sempre =D

rayssa bem-vinda ao dv Laughing
q bom que gostou de solstice CONTINUE LENDO LINDA ...

vcs não tem noção das coisas que ainda vão rolar
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.deciphermee.tumblr.com
Eme_Sra.Black
No baile de Fork's High
No baile de Fork's High


Idade : 31
Número de Mensagens : 179
Data de inscrição : 19/09/2011
Localização : Olhando o mar do penhasco em La Push...

MensagemAssunto: Re: Solstice, the sequence of Blizzard | Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.   Dom 26 Fev 2012, 17:57

ahhhhhhhhhhhhh mym!!!
Que cap. mais incrível!!!

Eu amei a noite de loucuras dos casais!!!

Eu ri aki imaginando a Nez bebada, se jogando em Alec com as pernas todas de fora...kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.....ele deve ter adorado!!!


DOIDA pra ver um hot desses dois...uhuuuu

pq da Elle e do Karl gostosão já me foi tirada essa dúvida...e vou te contar hein mym...que pega mais gostoso essse no banheiro...uhuuu...fala sério!!!....kkkkkkkkkkkkkkkkkk.....adoreeeeiiii

ainnn, doidinha aki p/ ler mais...essa fic promete viu!!
bjo netinha perva!!!

Orgulho da vovó Eme!!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://cenografia3d.blogspot.com
Yasmim L
Conhecendo a história de Jasper
Conhecendo a história de Jasper


Idade : 21
Número de Mensagens : 371
Data de inscrição : 19/04/2010
Localização : Brincando com a "comida" nos becos de Volterra com Alec e Demetri... 666'

MensagemAssunto: Re: Solstice, the sequence of Blizzard | Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.   Seg 27 Fev 2012, 18:44

ui eme q fogo eim.. doida por uma cena caliente..
más noticias.. vai ter q esperar um pokin .. mas vai compensar

meninas eu queria muito que voces conferissem esse link *---*

http://blissfullytilltheend.tumblr.com/
é o tumblr de blizzard e solstice *---* super linda as coisas... confiram lá.. tudo bem q tá tudo em inglês kkkkkkkkkk mas seilá façam un esforcinho se vcs fuxicarem legal vão encontrar personagens novos por lá
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.deciphermee.tumblr.com
Eme_Sra.Black
No baile de Fork's High
No baile de Fork's High


Idade : 31
Número de Mensagens : 179
Data de inscrição : 19/09/2011
Localização : Olhando o mar do penhasco em La Push...

MensagemAssunto: Re: Solstice, the sequence of Blizzard | Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.   Seg 27 Fev 2012, 23:22

há há...eu fixiquei e achei!!!
Personagens mto mega interessantes viu!!!

Querendo mto ler mais sobre eles...ai ai ai!!!
bjo Mym...adorei o tumblr...

bjobjooo
da vovó Eme
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://cenografia3d.blogspot.com
saracullen
Sem Edward
Sem Edward


Idade : 23
Número de Mensagens : 208
Data de inscrição : 28/06/2011
Localização : coração de jocob em direção ao infinito

MensagemAssunto: Re: Solstice, the sequence of Blizzard | Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.   Ter 28 Fev 2012, 08:16

mym isso é hora de terminar esse cap.
quer me matar de curiosidade linda..

muito bom esse cap, vc voltou com força total,
e tenho que confesar que tava morrendo de saudades destes
encontros com novos caps...


ta de parabens linda!!!!!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Yasmim L
Conhecendo a história de Jasper
Conhecendo a história de Jasper


Idade : 21
Número de Mensagens : 371
Data de inscrição : 19/04/2010
Localização : Brincando com a "comida" nos becos de Volterra com Alec e Demetri... 666'

MensagemAssunto: Re: Solstice, the sequence of Blizzard | Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.   Ter 28 Fev 2012, 20:57

tbm tava morrendo de saudades de vir aqui postar cap pra vcss....
tá curiosa sara?

oin vlw sara, neim escrevo bem... só em deixo levar eplas loucuras desses personagenss
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.deciphermee.tumblr.com
saracullen
Sem Edward
Sem Edward


Idade : 23
Número de Mensagens : 208
Data de inscrição : 28/06/2011
Localização : coração de jocob em direção ao infinito

MensagemAssunto: Re: Solstice, the sequence of Blizzard | Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.   Qua 29 Fev 2012, 08:18

pense em umas loucuras maravilhosas de se ler>.%%%%%

vc é muito talentosa, é eu sou uma fã de carteirinha sua viu!!!

quando vc parou de postar Blizard eu fiquei muito triste, só fiquei feliz quando vc
falou que daria continuidade, isso acaba virando vicio como se vc não pudesse
mais viver sem isso sabe!!!!!

linda posta mais, não me deixa assim, minhas unhas estão grades com muito esforço
e não quero perdelas agora....
Voltar ao Topo Ir em baixo
Marina cullen
Na clareira com Edward e Bella
Na clareira com Edward e Bella


Idade : 19
Número de Mensagens : 66
Data de inscrição : 19/01/2012
Localização : Nunca distante de vampiros

MensagemAssunto: Re: Solstice, the sequence of Blizzard | Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.   Qui 01 Mar 2012, 13:11

Lindoooooo
Adorei, tanto Blizard quanto Solstice sao ótimos !!!!!!!!!
Sou sua leitora já, vc é boa escrevendo e parece q é isso q vc gosta de fazer. Vou estar sempre aqui esperando o
Capitulo 02. lol!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Yasmim L
Conhecendo a história de Jasper
Conhecendo a história de Jasper


Idade : 21
Número de Mensagens : 371
Data de inscrição : 19/04/2010
Localização : Brincando com a "comida" nos becos de Volterra com Alec e Demetri... 666'

MensagemAssunto: Re: Solstice, the sequence of Blizzard | Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.   Qui 01 Mar 2012, 17:40

néah sara é um circulo vicioso, vc sempre qr escrever mais..
tipo agora ,,, tive uma ótima ideia q mistura tudo q eu mais amo...
piratas do caribe, harry potter, crepusculo e jogos vorazes /conhecem?

tipo, nun sei quando mas essa história sai da minah imaginação concerteza..


e marina
q bom q vc leu blizzard,
então vai poder acompanhar solstice direitin com agente *---*
e q bom q gostou Embarassed

simsim, eu amo escrever cheers

cap dois daki a pouco
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.deciphermee.tumblr.com
Yasmim L
Conhecendo a história de Jasper
Conhecendo a história de Jasper


Idade : 21
Número de Mensagens : 371
Data de inscrição : 19/04/2010
Localização : Brincando com a "comida" nos becos de Volterra com Alec e Demetri... 666'

MensagemAssunto: Re: Solstice, the sequence of Blizzard | Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.   Qui 01 Mar 2012, 19:08

Chapter II
Karl POV


- O que você tem contra o meu Bentley? – Perguntei contrariado. - Ele é veloz.
- E? – Ela arqueou uma sombracelha, aqueles olhos verdes brincavam comigo. Ela já sabia aonde eu chegaria.
- Bonito. – Tentei.
- E? – Ela perguntou de novo, como se aquilo fosse supérfluo.
- Já não é o suficiente? – Ela abriu um sorriso de satisfação, eu havia chegado lá.
- Ele não é confortável, não é espaçoso. – Ela explicou como se fosse óbvio.
- Espaço? Para que mais espaço? - Ela não podia ficar falando mal do meu carro.
- Pare o carro. – Ela disse, fiz como ela pediu e parei o carro no acostamento.
- Espaço para eu fazer isso... – Ela se levantou do seu banco e veio se sentar em meu colo, de frente para mim. Suas pernas estavam nuas, seu decote quase tocando minha boca enquanto ela se arrumava para se sentar de uma vez e me tocar por completo, aquilo era demais para mim. Eu andava me controlando muito, desde que cheguei a Seattle ela não havia sido minha de verdade uma sequer vez, aquilo estava me matando. Eu a queria e a queria agora. -... Sem acabar tocando a buzina do SEU Bentley. – Assim que ela disse isso á buzina tocou fazendo um estardalhaço em meio o silencio da madrugada, me tirando do meu transe. Ela gargalhou deliciosamente.
- Assim fica melhor? – Reclinei o banco por completo, a gravidade a jogou para cima de mim. Seu peito tocando o meu, sua respiração quente em minha nuca.
- Aceitável. – Ela disse enquanto deixava sua língua passear por meus lábios. Em resposta eu afundei minha mão na parte de dentro de sua coxa, um arrepio subiu pela sua espinha e ela soltou uma risadinha nervosa em meus lábios. Tirei sua blusa e joguei para o lado, o calor de seu corpo se chocou contra meu peito gelado enquanto ela também tirava a minha.
Tomei seus lábios nos meu violentamente, deixando o desejo me dominar por completo enquanto minhas mãos passeavam por toda a extensão de seu corpo. Ela era perfeita demais para ser minha.
Ela mordeu meu queixo e foi descendo pela minha nuca enquanto suas mãos quentes e macias, passeavam por meu abdômen. Seus dedos se enroscaram em meu cabelo e ela mordeu meu lábio inferior, sua respiração ofegante, seu coração disparado, seus olhos brilhando. 20% anjo, 80% demônio, como eu amo essa garota.
- O que você está fazendo? – Ela congelou quando percebeu que estava tentando abrir seu sutiã. Sério? Ela tinha que ficar brincando dessa maneira comigo?
- Eu quero você. De verdade. – Sussurrei, ela gemeu em meu ouvido.
- Karl eu quero que seja especial dessa vez. – Ela disse se controlando, ela também me queria, mas não daria o braço a torcer.
- Sempre é especial com você. – Tentei, fingindo estar ofendido.
- Você entendeu. Eu quero uma cama, eu quero meu quarto, eu quero você em um lugar que haja espaço para se movimentar de verdade... – Ela disse revirando os olhos, distraída. Eu a adorava enquanto estava distraída, ela se tornava irresistível. Meus lábios gravitaram para sua jugular, a beijando ali. Ela parou instantaneamente de falar.
- Karl. – Ela gemeu meu nome. - Não faça isso comigo, você não é o único que anda se controlando por aqui. – Ela mordeu seus lábios, me olhando com um desejo enorme. Sorri de lado.
- Para! – Ela tampou meus lábios com as suas mãos. Pisquei o olho esquerdo para ela, fiz questão de passar pelo meu olhar todas as idéias que rodavam em minha mente.
- Você está me seduzindo. – Ela declarou, levando as pontas dos dedos aos lábios. Tentando parecer encurralada, mas na verdade ela estava completamente sexy.
- Eu te seduzi por um ano inteiro, mereço minha recompensa. – Puxei sua mão e chupei seu dedo indicador. Ela passou a língua pelos lábios, os umedecendo.
- Você é um pedófilo, eu mal fiz 11 anos. – Ela me acusou, semicerrando os olhos.
- Eu não sou pedófilo. Na época você aparentava ter uns 16... 17 e agora já está tomando as formas de uma mulher. Eu tenho 20, não sou pedófilo. – Expliquei, fingindo estar ofendido com a acusação.
- 20? – Ela sorriu estupefata. Dei conta que ela não sabia a idade com que fui transformado.
- Talvez 15, não lembro direito. – Revirei os olhos. – Como esse colar chegou as suas mãos afinal? – Mudei de assunto.
- Caius, ele me deu no meu ultimo dia em Volterra. – No mesmo instante eu me senti mal por ter tocado naquele assunto, seus olhos ficaram tristes. Seu pai era um tabu, esse assunto sempre a deixava mal, eu odiava vê-la triste, por isso sua mãe ainda era um segredo, ao menos até o final desse dia, ela estava tão feliz.
- Ele parecia gostar de você, no fundo. – Eu não queria seguir por aquele caminho, mas foi o único que surgiu na direção contrária ao meu passado.
- Eu sei o que você está tentando fazer. Sempre é assim. Eu toco em algo do seu passado e você troca de assunto. Você não confia em mim. – Ela saiu de cima de mim e se sentou no banco do passageiro novamente, vestindo sua blusa.
- É claro que confio em você, mas em você do que em qualquer outra pessoa. – Disse, enquanto subia o meu banco e vestia minha blusa.
- Não parece. Você acha que eu aprecio o fato que amo um homem que sequer sei o verdadeiro nome? Ou de onde veio? Ou qual era a verdadeira cor de seus olhos? Karl eu gostaria de saber essas coisas. – Ela estava magoada.
- O meu passado não importa. Foram somente uma série de acontecimentos que me trouxeram para você. – Confessei. Não é que meu passado fosse de todo terrível, é só que certas coisas poderiam mudar a imagem que ela construiu de mim. Eu não suportaria se o sentimento expresso em seu olhar toda vez que ela fala meu nome mudasse. Ela suspirou cansada e desceu do carro.
- O que você está fazendo? – Perguntei consternado, enquanto corria atrás dela.
- Não ando em carros de pessoas que eu não conheço. – Ela cuspiu as palavras. Droga, eu a havia magoado de verdade.
- Sobe naquele carro. Eu não vou deixar você ir andando sozinha para a casa dos Cullen á essa hora e ainda faltam uns dois quilômetros. – Ainda mais ela estando com aquelas roupas, quer dizer, com ela quase sem roupa do jeito que estava. – O que você acha que Carlisle vai pensar de mim? – Entrei na frente dela e a fiz parar.
- Ele não é meu pai e eles não são minha família. – Ela disse duramente, enquanto tentava passar por mim.
- Mas agem como se fossem. Não vou deixar que eles pensem que eu não sei cuidar de você. Por favor, sobe naquele carro. – Segurei seus ombros a forçando a olhar para mim. Ela suspirou, contrariada, e correu para o carro. Fui atrás dela.
Á encontrei sentada, com os braços envolvendo os joelhos e o olhar preso na janela. Ela estava me ignorando. Dirigi até a casa dos Cullen e estacionei o carro no acostamento, de frente para a grande mansão vitoriana. A luz no quarto de Nez já estava acesa, Alec já devia tê-la trago de volta á muito tempo.
Foi quando eu ouvi um soluço, um soluço que me quebrou por inteiro.
- Você está chorando? – Perguntei chocado. Ela não era de chorar por qualquer coisa, eu mesmo só a vi chorando duas vezes: Quando eu voltei para Volterra e agora.
- Nós brigamos, eu não sabia que isso doía tanto. – Ela confessou, ainda sem me olhar. Ás vezes eu esquecia que ela não passava de uma menina perdida em um mundo bem mais complicado que o necessário, tentando se mostrar forte, tentando mostrar que podia lidar com tudo isso.
- Por favor, grita comigo, me xinga, me dê uns socos, mas não chore. Eu não consigo suportar isso. – Parabéns Karl, se esforçando para que a noticia da mãe dela não a quebrasse e você mesmo arruma um meio de fazer isso... Eu sou um otário.
- Karl eu te amo. Não importa o que tenha feito eu vou aceitar, eu não irei te julgar. Eu sei que você teve muitas namoradas, se for isso eu não vou ligar. Nada pode ser pior que a Jane. – Ela tentou, fazendo um biquinho com os lábios, seus olhos vermelhos pelo choro.
Eu não consegui dizer nada, nada mesmo. Só fiquei lá, me perdendo dentro de seus olhos.
Eu sou um canalha e não a mereço, finalmente cheguei à conclusão.
Derrepente ela veio em minha direção e depositou um beijo em meus lábios. Um beijo salgado, em razão ás lágrimas que corriam livres por seu rosto. Me senti o maior dos ótários a deixando fazer aquilo. Era um sinal de que não importava o tamanho do seu orgulho, ela nunca iria conseguir controlar a parte que me desejava.
Ela enxugou as lagrimas, negando a minha ajuda quando levei meus dedos até uma lágrima que teimava em cair. Por que eu não conseguia abrir a boca? Por quê? Ah lembrei, porque eu sou um canalha. Eu já tinha chegado a essa conclusão segundos atrás.
- Você ainda consegue me surpreender. – Confessei, enquanto lembrava que há trinta minutos, eu a tinha em meus braços. – Eu sei que "nós" não acabou, eu posso ver em seus olhos. Por favor, não sai desse carro agora. – Peguei em sua mão. - Eu preciso de você.
- Quando perceber que pode confiar a mim seus maiores segredos Karl, me procure, mas só assim. – E com isso ela abriu a porta do carro e foi para a casa dos Cullens, sua casa. Me deixando sozinho com todo o ódio que sentia por mim mesmo. Se eu pudesse eu estaria chorando, por que, como ela mesmo havia dito, aquilo doía mais do que o esperado.
Nós brigamos? A idéia me soava impossível, mas eu vi em seu rosto. Ela estava magoada comigo, pensava que eu não tinha confiança nela. Soquei o volante do carro, quase se esquecendo de conter a força. Tive vontade de sair desse carro agora, abrir a porta daquela casa, a tomar em meus braços e contar cada mínimo detalhe da minha vida. Mas eu a amo o suficiente para dar a ela o que ela quer, e agora, ela quer distância.
Ela quer poder pensar sem eu estar ao seu lado, á distraindo. Amanhã eu voltaria, ou melhor amanhã eu sairia desse carro, por que eu não pretendo ir embora. Não pretendo sair de perto dela. Enquanto eu a sentir se segurando em tudo que "nós" significa, eu estarei aqui.


-----------
capitulo dois ai para o deleite de todos =D
e então?
como faz?
oq o karl escondi?
algum chute?
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.deciphermee.tumblr.com
Marina cullen
Na clareira com Edward e Bella
Na clareira com Edward e Bella


Idade : 19
Número de Mensagens : 66
Data de inscrição : 19/01/2012
Localização : Nunca distante de vampiros

MensagemAssunto: Re: Solstice, the sequence of Blizzard | Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.   Sex 02 Mar 2012, 18:28

Amoooooooooo, segredos, paixões, beijos e algo mais.
Meu deus qual será o segredo ?
Será que ele já foi um assassino insano ?
Por que ele reluta em contar a Elle ? Ela merece saber já que se entregou a ele.
Mas a Elle também tem segredos. 
Uma dica, segredos e paixões dão uma boa história mas na vida real são um saco. 
Será que o Karl já foi da guarda Vulturi ?
Posta logo o chapter |||, ||||, V ...
Não to agüentando de curiosidade.

:<
Voltar ao Topo Ir em baixo
Yasmim L
Conhecendo a história de Jasper
Conhecendo a história de Jasper


Idade : 21
Número de Mensagens : 371
Data de inscrição : 19/04/2010
Localização : Brincando com a "comida" nos becos de Volterra com Alec e Demetri... 666'

MensagemAssunto: Re: Solstice, the sequence of Blizzard | Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.   Seg 05 Mar 2012, 18:17

oin linda *---* curiosa vccc kkkkkkkkk
espera q vem mais, proximo cap tá tão .... tão .... perfeitin


Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.deciphermee.tumblr.com
Marina cullen
Na clareira com Edward e Bella
Na clareira com Edward e Bella


Idade : 19
Número de Mensagens : 66
Data de inscrição : 19/01/2012
Localização : Nunca distante de vampiros

MensagemAssunto: Re: Solstice, the sequence of Blizzard | Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.   Seg 05 Mar 2012, 19:11

Curiosa é pouco !!!!!!!
A curiosidade me mata, quero devorar esse cap perfeitoooooooo
O)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Eme_Sra.Black
No baile de Fork's High
No baile de Fork's High


Idade : 31
Número de Mensagens : 179
Data de inscrição : 19/09/2011
Localização : Olhando o mar do penhasco em La Push...

MensagemAssunto: Re: Solstice, the sequence of Blizzard | Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.   Seg 05 Mar 2012, 19:15

Meniiiina que arranca rabo dos dois foi esse hein???!!

Nuss, fiquei realmente com dó da Elle, fala sério o Karl se acha muito maduro mas as vezes comete uns erros bobos, pq esconder algo da mulher que mais o ama nesse mundo??? Karl doidão, vai abrir espaço p/ concorr~encia hein...olha lá!!!


Amei o cap. Mym, como será p/ esses doi agora hein??? Super ansiosa e amando a fic sempre mais!!
bjobjiiiinhooo netinha!!!

Eme
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://cenografia3d.blogspot.com
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Solstice, the sequence of Blizzard | Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.   Hoje à(s) 02:43

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Solstice, the sequence of Blizzard | Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 3Ir à página : 1, 2, 3  Seguinte
 Tópicos similares
-
» O mais novo site de leilões da internet
» Onde acho mais dessas sprites?
» Como colocar mais de 2 Quests num mesmo NPC?
» Qual a frase mais marcante que vc ja viu
» Qual é o Jounin mais forte?

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Doce Vampiro :: FORKS NEWS :: FanFics-
Ir para: