Doce Vampiro
BEM VINDO!!!!

Registre-se, ou faça seu login, e divirta-se conosco!!!
Doce Vampiro

Quando o leão se apaixona pelo cordeiro...
 
InícioInício  GaleriaGaleria  Registrar-seRegistrar-se  LoginLogin  
Buscar
 
 

Resultados por:
 
Rechercher Busca avançada
Últimos assuntos
» Rising Sun(Sol Nascente) A história de Renesmee
Sab 24 Maio 2014, 21:15 por janaisantos

» NightFall Continuação da Fic Rising Son (Sol nascente) A história de Renesmee
Sab 24 Maio 2014, 20:23 por janaisantos

» Cullen Favorito (fora o Ed)
Seg 20 Maio 2013, 02:10 por Claudia Coleridge

» Se você pudesse viver para sempre, pelo que valeria a pena morrer ?
Sex 26 Abr 2013, 07:51 por saracullen

» New Night .... trilhando novos caminhos
Sex 26 Abr 2013, 07:29 por saracullen

» Nova por aqui!
Ter 19 Mar 2013, 21:42 por Vitoria Lazar

» Recém Chegada
Ter 19 Mar 2013, 21:38 por Vitoria Lazar

» Parede de sangue
Ter 08 Jan 2013, 08:44 por Marina cullen

» O Vampiro que descobriu o Brasil
Qua 21 Nov 2012, 18:32 por Ivinny Viana Barbosa

» Vampirismo
Ter 20 Nov 2012, 19:18 por Gaby D. Black

» O que você faria...?
Ter 20 Nov 2012, 18:54 por Gaby D. Black

» [Fic] Sol da meia-noite
Qui 15 Nov 2012, 09:34 por Gaby D. Black

» Qual foi sua cena preferida em Amanhecer ??
Qui 05 Jul 2012, 14:09 por G@by Swan

» Primeiras imagens de Amanhecer - Parte 2
Qui 05 Jul 2012, 13:45 por G@by Swan

» The Emotionless Shadow | Tudo Tem Um Preço
Dom 27 Maio 2012, 18:00 por gisamachado

» FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia
Dom 27 Maio 2012, 15:48 por Tânia

» Solstice, the sequence of Blizzard | Por mais escura que tenha sido á noite, o sol sempre vem pela manhã.
Dom 27 Maio 2012, 14:46 por Yasmim L

» As mudanças do cabelo de Edward
Qua 23 Maio 2012, 22:09 por celina62

» O que você mudaria no Rob?
Sab 14 Abr 2012, 20:48 por Marina cullen

Navegação
 Portal
 Índice
 Membros
 Perfil
 FAQ
 Buscar
Fórum Irmão

Compartilhe | 
 

 FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3 ... 5, 6, 7 ... 11, 12, 13  Seguinte
AutorMensagem
Eme_Sra.Black
No baile de Fork's High
No baile de Fork's High


Idade : 31
Número de Mensagens : 179
Data de inscrição : 19/09/2011
Localização : Olhando o mar do penhasco em La Push...

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Seg 19 Dez 2011, 23:47

oi Vic minha netinha lindaaaa!!!!!!!! flower

Vc tah desconfiada q a Nessie tah grávida?

Pois saiba q proximo cap. suas duvidas serão resolvidas...kkkkkkkkkkkk....
se ela estivesse vc ficaria feliz!??? =D

hehehe.....adoro um suspense.... Twisted Evil


(COMUNICADO)

LOBAS E VAMPIRAS....amanhã tem prévia!!!
uhuuuuuu....espero q gostem... cheers

Jacobeijo para nós!!! >}
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://cenografia3d.blogspot.com
Tânia
Conhecendo Edward
Conhecendo Edward


Idade : 28
Número de Mensagens : 32
Data de inscrição : 19/12/2011
Localização : Vila do Conde (Portugal)

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Ter 20 Dez 2011, 03:17

Oi, minha gente

mal posso esperar pele previa, tambem gostava muito que a Ness tivesse GRAVIDA.........porque assim o
Jacob, se ele é feliz com ela, depois de saber agora é que ele «morre» de felicidade =D

Beijocas Grandes
para vocês!!!!!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
saracullen
Sem Edward
Sem Edward


Idade : 23
Número de Mensagens : 208
Data de inscrição : 28/06/2011
Localização : coração de jocob em direção ao infinito

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Ter 20 Dez 2011, 08:12

vovô eu to chocada com tudo que acabei de ler Exclamation
meu deus eu to chacada com tudo
e apesar de ficar em duvida eu quero muito
que as minha novas colegas estejam certas sobre a Nezz
vai ser tão fofo o lindo sendo papai.
tudo de bom sua fic vovô to amando.
saudades de previas.
manda
manda
manda!!!
PREVIA

BEIJJJOOOSSS
Voltar ao Topo Ir em baixo
Victoria Cullen Black
Na clareira com Edward e Bella
Na clareira com Edward e Bella


Idade : 20
Número de Mensagens : 63
Data de inscrição : 15/12/2011
Localização : Em La Push com Jake....

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Ter 20 Dez 2011, 09:46

Vovo Esme eu nao foi ficar feliz
EU VOU FICAR FELIZERIMA!!!!!!!!!!!!!!!!

JA PENSOU NO NOSSO CARAMELO SENDO PAPAI !!!!!!!!

Ja penso esses lobinhos!!!!!Q lindosss!!!!!!!


HAAAAA EU VOU MORRER!!!!!!!!!!

Voltar ao Topo Ir em baixo
Eme_Sra.Black
No baile de Fork's High
No baile de Fork's High


Idade : 31
Número de Mensagens : 179
Data de inscrição : 19/09/2011
Localização : Olhando o mar do penhasco em La Push...

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Ter 20 Dez 2011, 12:51

oi lindezas da vovó!!!!! flower

PREVIAAAA!!!!!



"– Mas antes, eu quero que você me explique o porque de estar aqui...você e seu cão de estimação brigaram foi? – ele me perguntou sorrindo de forma perversa.


– Olha só...se nós brigamos ou não, não chega a ser da sua conta, não quero ser chata nem nada, mas não quero falar sobre isso. – eu falei de forma que desse a entender que esse assunto estava terminado.


– É, acho que você finalmente soube né...que ele não pode envelhecer? - ele observou meu rosto, que se abriu com olhos arregalados - Você é uma boa pessoa minha querida, você não vai querer vê-lo amarrado a você dessa forma..... – ele parou, percebendo que eu já estava chorando.


Ele se aproximou de mim muito devagar e sentou ao meu lado na cama e quando olhei em seus olhos, esperando sarcasmo, eu não vi...eu vi apenas compreensão. Era o Alec que eu NÃO conhecia, o Alec vampiro e intimidador, mas com olhar compreensível, que eu não entendi nada"
________________________________________

Que medo do Alec, ele é muito doidão cara....kkkkkkkkkkkkkk....
mas sei lá...o que será que ele está fazendo ali??? O que será que ele está querendo????

Amanhã eu posto cap. novoooo...uhuuu..
bjobjo amadaaassss >}
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://cenografia3d.blogspot.com
Victoria Cullen Black
Na clareira com Edward e Bella
Na clareira com Edward e Bella


Idade : 20
Número de Mensagens : 63
Data de inscrição : 15/12/2011
Localização : Em La Push com Jake....

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Ter 20 Dez 2011, 13:00

SEI NAO.......
Pra mim o Alec vai fazer uma coisa q o Jake nao vai gostar mesmo!!!!!!!
Ou vai transforma-la em vampira!!!!!!

SEI NAO.......


XOXO Vic C Black
Voltar ao Topo Ir em baixo
Yasmim L
Conhecendo a história de Jasper
Conhecendo a história de Jasper


Idade : 21
Número de Mensagens : 371
Data de inscrição : 19/04/2010
Localização : Brincando com a "comida" nos becos de Volterra com Alec e Demetri... 666'

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Ter 20 Dez 2011, 17:34

OIN MEU ALEC

" Era o Alec que eu NÃO conhecia, o Alec vampiro e intimidador, mas com olhar compreensível, que eu não entendi nada"

eu entendo ele completamente.. se vc não qr EU PEGO BOBA

eme qro ler esse cap denovo porfavorporfavorporfavor
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.deciphermee.tumblr.com
saracullen
Sem Edward
Sem Edward


Idade : 23
Número de Mensagens : 208
Data de inscrição : 28/06/2011
Localização : coração de jocob em direção ao infinito

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Qua 21 Dez 2011, 08:30

esme eu fiquei muito curiosa pra saber o que o Alec
estar fazendo a sos com a Nezz no quarto??? Question Question

vovô vc não pode deixar suas netinhas roerem todas as unhas deste
jeito por favor.

eu sou muito curiosa vcs sabem, não fassam isso comigo.
O)
Emybeijjjjjjjooos
Voltar ao Topo Ir em baixo
Tânia
Conhecendo Edward
Conhecendo Edward


Idade : 28
Número de Mensagens : 32
Data de inscrição : 19/12/2011
Localização : Vila do Conde (Portugal)

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Qua 21 Dez 2011, 10:24


Olá meninas;
Eu também estou super ansiosa por ler o proximo capitulo,
só também ainda nao roi as unhas é porque tenho gel ,
porque se não tivesse neste momento já não as tinha.

Beijocas Grassssssssssssssssssssndes
Tânia
Voltar ao Topo Ir em baixo
saracullen
Sem Edward
Sem Edward


Idade : 23
Número de Mensagens : 208
Data de inscrição : 28/06/2011
Localização : coração de jocob em direção ao infinito

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Qui 22 Dez 2011, 07:30

muito bem tânia gostei da ideia do gel
vou usar pra não acabar com as minhas.

vovô esme kd vc? lol!

e o nosso cap vai demora pra sair, to muito anciosa

vc já viu a tekka e a mym dizer que a fic delas ta acabando. eu fiquei
muito triste.

eu queria que elas desistissem dessa ideia.
Sad

Voltar ao Topo Ir em baixo
Tânia
Conhecendo Edward
Conhecendo Edward


Idade : 28
Número de Mensagens : 32
Data de inscrição : 19/12/2011
Localização : Vila do Conde (Portugal)

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Qui 22 Dez 2011, 07:45

Ola meninas,

Gostava que dissem como se chama a outra fic, que vocês tanto falam, porque eu também gostava de ler... O)

Beijocas Graaaaaaaaaaaaaaaaaandes n16*
Tãnia
Voltar ao Topo Ir em baixo
Eme_Sra.Black
No baile de Fork's High
No baile de Fork's High


Idade : 31
Número de Mensagens : 179
Data de inscrição : 19/09/2011
Localização : Olhando o mar do penhasco em La Push...

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Qui 22 Dez 2011, 09:29

CAP NOVOOOOOOOOOOOOO!!!!!!! cheers

sem delongas!!!!

Esse cap. é bem importante p/ o desenvolvimento da fic.

Bora ler aí...depois a gente conversa.!!!!

_________________________________________

Capítulo 17 – A eternidade com Alec.




– Meu Deus Alec...o que você está fazendo aqui?? – eu perguntei perplexa, enquanto tentava me cobrir com o lençol, já que eu estava só de roupão.


– Você está tão linda...sabe, fiquei preocupado quando fui hoje cedo te ver em sua casa e você não estava mais, ainda bem que seu rastro estava fresco e consegui vir com meu carro até você minha pedra preciosa, mia principesa. – ele falou com muita naturalidade, que intimidade é essa? Ele bebeu?


Alec estava muito diferente do que eu já tinha o visto. Como trabalhávamos em um laboratório, eu estava acostumada a vê-lo sempre de jaleco branco, no entanto, hoje ele estava todo de preto. Ele usava um sobretudo que ia até seus pés, uma camisa social preta por fora, e uma calça jeans preta também e pra finalizar, um coturno muito estiloso. Tenho que admitir que a palidez de sua pele com seus cabelos castanhos escuros, seus olhos vermelhos e sua roupa elegante e preta faziam uma combinação de dar inveja. Hoje sim, percebi o quanto Alec, era hipnotizante e bonito. E sim, da forma como ele estava hoje, estava realmente parecendo um vampiro. Enquanto olhava pra ele, consegui finalmente enxergar que ele era mesmo um vampiro, um ser sobrenatural, assim como Jacob, ele tinha uma aura envolvente. Pobre de nós, meros mortais humanos, perto desses seres tão incríveis e fascinantes, mas apesar de toda a sua exuberância, ele não tinha o colorido, do corpo de Jacob, seus olhos não eram intensos como os dele...seus traços não eram tão....tão....Jacob........meu peito doeu.....que saudade do meu moreno.


– O que você tanto me olha querida Nessie...posso saber? – ele perguntou enquanto se aproximava lentamente de uma poltrona no canto do quarto.


Ele se sentou, colocando um cotovelo em cada braço da poltrona e entrelaçando seus dedos enquanto me olhava com muita calma. Nessa posição, ele ficou muito próximo ao abajur e pude ver seus olhos cintilando um vermelho vivo, vermelho sangue. Era tão bonito e estranho que me deu tontura.


Prestei atenção se nada estava aparecendo (peito, barriga, bunda). Me levantei devagar, e me sentei na cama, de forma a ficar mais próxima a ele e com a maior naturalidade que consegui perguntei:


– Quer dizer que você é um vampiro hã?... – ele sorriu e balançou a cabeça de forma afirmativa.


– E eu posso saber agora Alec, qual o motivo de sua perseguição a mim... e porque está no meu quarto? – perguntei o mais natural que consegui, afinal Jacob me disse que ele era perigoso.


– Minha preciosa, o que acontece, é que eu tenho uma proposta para lhe fazer... – eu continuei o fitando, esperando que ele continuasse.


– Mas antes, eu quero que você me explique o porque de estar aqui...você e seu cão de estimação brigaram foi? – ele me perguntou sorrindo de forma perversa.


– Olha só...se nós brigamos ou não, não chega a ser da sua conta, não quero ser chata nem nada, mas não quero falar sobre isso. – eu falei de forma que desse a entender que esse assunto estava terminado.


– É, acho que você finalmente soube né...que ele não pode envelhecer? - ele observou meu rosto, que se abriu com olhos arregalados - Você é uma boa pessoa minha querida, você não vai querer vê-lo amarrado a você dessa forma..... – ele parou, percebendo que eu já estava chorando.


Ele se aproximou de mim muito devagar e sentou ao meu lado na cama e quando olhei em seus olhos, esperando sarcasmo, eu não vi...eu vi apenas compreensão. Era o Alec que eu NÃO conhecia, o Alec vampiro e intimidador, mas com olhar compreensível, que eu não entendi nada.


– Você não faz idéia Alec, do que eu estou sentindo...Eu o amo...Muito mais do que seria permitido amar alguém, eu me declarei pra ele, sem nem ao menos tê-lo beijado, quando beijei, já me entreguei na mesma hora para fazermos amor...eu amei sem medo, sem pudor...eu me entreguei completamente.. – Alec me abraçou, pude sentir o tecido frio de sua camisa em contraste com minhas lágrimas quentes, que queimavam meu rosto de dor, mas essa aproximação dele queimou as minhas narinas...provocando um enjôo enorme. Tive que segurar um pouco a respiração e me afastei de seu abraço disfarçadamente, enquanto ele segurava minha mão. Eu não lembrava que o perfume de Alec era tão ruim assim.


– Como eu posso viver normalmente agora Alec, depois de tudo que vivi com ele, eu não tenho como simplesmente tirar essa dor de mim e viver minha vida...eu ia pra Nova York, ver minha família e tentar melhorar esse vazio que sinto dentro de mim, para depois voltar a Forks e fazer minha mudança, me despedir dos meus amigos e ir embora......eu vou deixar o Jacob...pra que ele tenha a eternidade com a Leah...e possa ser feliz – Meu choro aumentou muito e agora eu chorava compulsivamente, eu soluçava apertando a mão de Alec entre as minhas e ele acariciava minhas mãos com a mão livre e fria, muito fria, quando ele começou a me dizer palavras doces em sua voz aveludada.


– Renesmee, eu tenho como tirar essa dor de você...pensa comigo...você não quer voltar pra Forks, porque não quer mais ver o seu cachorro, mas não porque você seja uma pessoa ruim...mas porque você quer que ele tenha a vida de guardião que escolheu com alguém que seja melhor pra ele, sem se preocupar em cuidar de você, você se preocupa porque acha que ele vai sofrer pra sempre com esse pensamento, e também quer ir embora, pois está triste de pensar que ele vai estar com você por obrigação não é isso? Fiz minha lição de casa... – ele riu e passou a mão em meu rosto, secando minhas lágrimas. Segurei a respiração, a mão dele também estava com seu perfume...


– Você disse que tem como tirar essa dor de mim...como você faria isso? – eu perguntei enquanto limpava minhas lágrimas e secava meu rosto com minhas mãos.


– Bom, essa era a proposta que eu vim fazer......vem comigo pra Volterra bella mia, eu quero que você seja minha esposa...eu a transformarei em uma de nós, será uma vampira também assim como eu, Jane e outros que você vai conhecer e mesmo se o seu cão de guarda te achar, quando ele ver que você se transformou em vampira, ele vai te odiar e nunca mais vai pensar em você, vivendo a vida dele em paz, para ser feliz com a cadela dele, ou com alguém da reserva que não se importaria em envelhecer namorando um guardião...vê como tudo se resolve? – ele deu um sorriso amável...ele tinha razão..essa era uma boa opção.


– Mas a parte ruim Renesmee...é que você não vai poder ter contato com sua família, infelizmente terá que ir embora sem olhar pra trás, sem se despedir, eles nunca mais saberão de você...veja bem minha amada, nenhum humano pode saber de nossa existência, ou ele morre, ou vira um de nós. No seu caso, você vira uma de nós, eu me caso com você........Ah vai...nem vai ser tão ruim passar a eternidade comigo né? – ele me perguntou sorrindo, ele era mais bonito quando sorria.


– Alec, eu nunca vou conseguir te amar como amo Jacob, eu já dei a ele tudo que existia em mim, todo o meu coração. Não vou conseguir te amar, por mais bonito e legal que você seja... – eu suspirei, era ruim dizer a verdade dessa forma.


– Eu tenho a eternidade pra tentar não é mesmo? – ele continuou com um olhar meigo, carinhoso. – E então você aceita vir comigo? – seus olhos brilharam de expectativa.


– Eu não poderia abandonar minha família Alec. – eu vi a verdade disso, não podia mesmo.


– Mas você vai conseguir viver bem com eles? Você vai conseguir demonstrar felicidade quando estiver lá? Vai conseguir ser a mesma filha que eles conheceram? A mesma Renesmee Cullen? – ele perguntou muito sério


– Não Alec, eu nunca mais vou ser a mesma, vou ser um objeto quebrado, um ser humano com defeito, nunca mais vou conseguir ser consertada...um pedaço meu ficou em Forks, só serei inteira com ele...e isso eu não posso querer mais... – meu peito doeu de novo...Lágrimas começaram a rolar novamente, isso era verdade também...Nunca mais eu seria a mesma Renesmee, não depois de ter tido um Jacob em minha vida.


– Se servir de consolo...quando nós passamos pelo processo de transformação, onde nosso corpo humano morre para virarmos vampiros, nossa memória quando acordamos, é um borrado de imagens quando nos lembramos da vida humana, e sem muito esforço, conseguimos esquecer quase que nossa vida humana por completa. – ele falou de um jeito, que percebi que isso era real, era totalmente verdade.


– Qualquer memória ou sentimento humano? – eu perguntei esperando com esperanças uma confirmação.


– E tem mais, lobisomens são inimigos mortais de vampiros, você nunca mais vai conseguir cheirá-lo novamente sem franzir o nariz...fede demais...e além disso, quando você vê um lobisomem em sua frente, seu instinto de ataque dá alerta de inimigo...ou seja...se você o amou na vida humana...quando virar vampira..ele nada mais vai ser...do que seu inimigo...e você dele. – ele finalizou sorrindo, um sorriso vitorioso.


Eu ponderei...ele tinha razão...a proposta dele era tentadora, tentadora demais, até porque eu nunca mais seria a mesma mesmo...logo não seria feliz com minha família...muito menos seria feliz sabendo que Jacob estava amarrado a mim por uma macumba de lobo qualquer...e se eu virasse vampira, eu poderia esquecê-lo, e viver minha eternidade entre beber sangue(eca..ia deixar pra me preocupar com isso depois), tentar aceitar Alec como marido e viver mais a noite que de dia. É...seria mais fácil...se eu o esquecesse.


– Você tem razão Alec – Eu falei levantando. – Só preciso voltar a Forks e pegar minhas coisas que ficaram... – ele me interrompeu.


– Não Nessie...não precisa...nossa condição financeira na Itália é realmente um insulto, somo donos de fortunas incalculáveis, será comprado tudo novo para você assim que chegarmos lá. – ele falou rindo com um ar superior.


– Ok, senhor riquinho, assim que eu chegar ao aeroporto eu compro uma roupa e uma blusa de frio para viajar e quando chegarmos lá você vai comprar um guarda – roupa inteiro pra mim. – falei pegando minhas roupas e entrando no banheiro para me trocar.


Quando voltei, ele estava sentado na poltrona rindo que nem bobo e olhando pra mim.


– É um sonho sabia....que se realiza - veio em minha direção, me abraçou girando no ar me rodopiando feliz...


Quando ele me pos no chão, eu estava muito zonza e o cheiro dele me fez ter ânsia. Mas não precisei ir ao banheiro, eu já tinha vomitado tudo que eu podia hoje.


– Ta tudo bem? – Ele perguntou me segurando com sua mão gélida depois do rodopio.


– Eu só fiquei zonza...só isso, err...não me abraça mais assim... – eu falei enquanto segurava minha cabeça.


– Vamos mia bella ragazza – ele falou pegando em minha mão me arrastando para saírmos do quarto.


Quando descemos, ele fez questão de pagar minha estadia e disse para ao gerente do hotel que se viesse algum Cullen procurar por uma Renesmee, era pra dizer que não tinha visto ou ouvido falar. Quando ouvi isso, meu coração se apertou, eu estava largando tudo. Minha família estava me esperando em Nova York...esperando por uma filha que nunca apareceria. Mas eu teria que poupá-los de conviver com uma filha zumbi para todo o sempre, esse era o certo, segurei o choro e o segui.


Alec me conduziu até uma BMW preta, sabe aqueles carros que parecem carros de mafiosos? Então, esse era um desses. Ele abriu a porta da frente pra mim e se dirigiu para o banco do motorista. Já estava amanhecendo.


– Ainda bem que meu carro é todo filmado. Já está quase de manhã – ele falou sério.


– Você tipo explode se pegar sol? – eu perguntei meio brincando...mas era bom saber como é que funcionava essa coisa toda de vampiro.


Ele gargalhou muito ouvindo esse comentário, mas então respondeu com a maior calma do mundo.


– Não querida, nós brilhamos tal qual um diamante quando expostos ao sol. Por isso não ficamos no sol na frente de humanos nenhum, imagina o susto...você passando e vê um homem todo brilhando onde tem pele aparecendo? Bizarro não? – ele perguntou num tom divertido.


– Sim, bizarro...mas menos mal...se explodisse era pior. – ele riu..e eu também..era fácil estar com Alec, ele era legal.


– Me conta um pouco Alec, a vida de vampiro, quero saber como vai ser minha vida daqui uns tempos. – eu comentei e ao mesmo tempo o cheiro dele invadiu minhas narinas. Eca...tive que prender a respiração...e o enjôo começou, essa seria a parte ruim da eternidade com Alec.


Ele me contou como seria mais ou menos minha vida de vampiro, o que me deixou com mais medo, foi a parte de beber sangue. Não sei como faria para ter coragem de matar alguém...meu Deus, eu acho que ia beber sangue de animais...sei lá..isso era muito além da minha compreensão, fora que me dava um nojo profundo e meu estômago já fraco, reclamou, se revirando inteiro. Mas tinha também umas partes bem emocionantes, como a velocidade, o faro que ficava extremamente aguçado, os reflexos e coordenação diversas vezes multiplicados, fora a parte em que ele falou que muitos vampiros nascem com dons...ele mesmo me mostrou o dele. Ele me deixou apagada ao lado dele temporariamente, em outra demonstração ele me deixou com sono...muito sono. Ele disse também que o poder dele anestesia dor.


– Então você pode anestesiar a minha, a que eu sinto aqui dentro - segurei meu peito novamente, para a dor não começar.


– Oh minha querida, aí eu não consigo tirar, mas na sua transformação, que dói...e muito...e dura uns três dias...eu vou ficar lá, velando...e tirando a sua dor, para você ter uma passagem de vida tranqüila. Só uma prova de como será sua vida comigo...será fácil...e tranquilo – ele acariciou meu rosto enquanto dirigia, eu prendi a respiração e me afastei um pouco.


Chegamos em um aeroporto, para pousos e decolagens particulares. Achei muito estranho, mas deixei passar. Eu confiava em Alec, eu esperei que ele terminasse uma ligação que estava fazendo e quando ele veio em minha direção eu perguntei.


– Alec, aqui não tem loja alguma para eu comprar uma roupa, não queria chegar lá assim – eu olhei pra mim, apesar de ter tomado banho, eu estava vestindo de novo a mesma roupa do churrasco (um vestido florido e um casaquinho de lã, com uma sapatilha bege) e como uma avalanche, me veio a lembrança toda de ontem de novo.


Eu comecei a chorar, baixinho, olhando pro chão e caminhei para longe de Alec, entrando no banheiro feminino que ficava na sala vip de espera. Fiquei um tempo lá, tentando segurar um choro que estava preso. Minha barriga roncou alto, percebi que agora sim o que eu tinha colocado pra fora estava fazendo falta. Saí do banheiro e me dirigi a Alec.


– Me desculpa por isso. – e olhei em seus olhos vermelhos – Eu prometo que vou melhorar, um dia vou conseguir falar disso sem chorar, mas não hoje, não agora.


– Eu sei Nessie, eu sei disso, não se preocupe, quando você for a vampirinha mais bonita do mundo e for minha esposa, eu vou conseguir tirar toda a sua dor, terei toda a eternidade para tentar – ele falou com tanto carinho, que eu até tentei lhe dar um sorriso. Mas minha barriga roncou de fome.


– Opa, hora do café da manhã da humana...- ele falou rindo e me arrastando pela mão para uma cafeteria próxima.


Eu comi, três brownes, uma porção de panquecas com calda de morango, suco de laranja, uma xícara de café, um queijo quente e um achocolatado no final. Quando dei o ultimo gole no meu achocolatado Alec estava com um olhar assustado pra mim.


– O que foi? – eu perguntei


– É normal uma humana do seu tamanho, ou seja, pequena como você, comer essa quantidade de comida? Quer dizer...é comum? – ele perguntou rindo.


– Ah...eu estava com fome...fiquei muito nervosa hoje e vomitei muito antes de você aparecer. – eu falei meio sem graça


– Que isso querida, não precisa se desculpar por ter apetite. – ele falou rindo de mim.


– É....de uns tempos pra cá eu tenho acompanhado bem as pratadas de comida do Jacob.... – eu ri...mas depois eu percebi o que eu tinha falado... OH GOD....eu ia sentir tanta falta dele.


– Ok....chega desse assunto...anda...vamos, nosso jatinho já está preparado. – ele me ajudou a levantar da mesa.


De longe eu avistei um avião de pequeno porte, porém MUITO moderno, com uma inscrição pequena na calda onde se lia Volturi.

Mas dentro é que o jatinho era maravilhoso, os assentos eram de couro bege claro, aliás, todo o interior dele era bege claro, tinha uma tv fininha na frente de cada poltrona, cabiam um total de oito pessoas e era muito espaçoso entre uma poltrona e outra.


O jatinho decolou e logo eu peguei no sono, mas acordei com um enjôo terrível, eu estava deitada no ombro de Alec, enquanto ele acarinhava minha cabeça. Tive que me segurar pra não vomitar.

– O que foi minha querida? – ele perguntou todo manhoso.


Aquilo me incomodou muito, sei lá, essa aproximação...esse carinho...essa atenção. Eu sei que em breve eu teria que ser esposa dele, mas não dá...meu coração estava em La Push...eu não me sentia a vontade desse jeito, eu gostava dele, mas alguma coisa nele, ou em mim, não deixava eu estar ali contente. Com certeza era o amor que eu sentia por Jacob que me levava a rejeitar cada toque de Alec.


– Me desculpa, eu sei que suas intenções são boas, mas eu queria ficar um tempo sozinha - eu levantei e fui me sentar em outra poltrona.


– Você sempre poderá fazer o que tiver vontade minha Renesmee, desde que esteja comigo e SOMENTE comigo.


– Não fale assim comigo...nesse tom...eu não sou de ninguém...eu sou eu...você é você...eu vou virar vampira e pronto... – eu cortei


– Não quis ofender... - ele falou cortez, sorrindo um sorriso compreensível.


Ele falou num tom possessivo, só o Jacob falava assim comigo e apenas ele eu permitiria, eu estava cansada e com medo, achei melhor não reclamar demais e tentar levar da melhor forma, até onde der a minha paciência. Virei pro lado fechando meus olhos ignorando tudo ao redor e dormi de novo, mas dessa vez não acordei mais.


Quando abri meus olhos, foi quando ouvi Alec falando comigo.


– Bem vinda ao lar minha querida, bem vinda a Volterra, está pronta? – ele perguntou sorrindo.


– Estou, estou pronta. – falei decidida enquanto me levantava ainda sob os efeitos do sono. – Eu dormi quanto tempo?


– Muitas horas, mas eu ajudei um pouquinho... – ele riu uma risada boba.


– Vamos Alec, estou pronta. – falei decidida.


– Vamos futura Sra. Renesmee Carlie Cullen Volturi


____________________________________________________________

E aí....tem alguém viva aí????

Gente do céu, essa Renesmee é louca, aceitou a proposta de Alec.

Lembrando que ela é apenas uma humana, assim como nós
e assim como nós....ficar ludibriada por um vampiro seria fácil...ainda mais sendo um vampiro bonitão e você estando de coração partido........hehehe.....
A situação dela é complicada gente....tadeeenha...agora ela tá achando que Leah é a melhor opção pro Jake...fala sério...aquela vagaloba não é melhor opção nem pro Alec...kkkkkkkkkkkkkkk.....

bjooooooooooooooooo
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://cenografia3d.blogspot.com
Eme_Sra.Black
No baile de Fork's High
No baile de Fork's High


Idade : 31
Número de Mensagens : 179
Data de inscrição : 19/09/2011
Localização : Olhando o mar do penhasco em La Push...

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Qui 22 Dez 2011, 09:36

Saraaaa....eu vi que Blizzard tá acando, puxa que triste....
eu adoro aquele casal maluco da Elle e o Karl, mas parece que terá continuação...hehehe....obaaaaaaaaaaa cheers

Tâniaaaaa....oi netinha linduxaaa....essa fic que nós estamos falando, é uma fic postada aqui no site, em dois tópicos.

Temos a fic Blizzard q é da Yasmim L. e da @steffs

e temos a fic da minha lindaaaa Sara

New Nigth

bom...se vc quiser dar uma passada lá, elas vão amar...
bjooooo


Bjo p/ vc tbm vic lindaaa.....
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://cenografia3d.blogspot.com
Tânia
Conhecendo Edward
Conhecendo Edward


Idade : 28
Número de Mensagens : 32
Data de inscrição : 19/12/2011
Localização : Vila do Conde (Portugal)

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Qui 22 Dez 2011, 11:20

Olá meninas,
Vovó obrigada por me ter indicado as outras fics,
neste momento já estou a ler a fic da sarinha, que está MARAVILHOSA, Very Happy
estou a ADORAR, mas não me esqueci das outras vou ler também assim que vir um tempinho.
PROMETO!!!!!

ADORO-VOS VOCÊS SÃO FANTASTICAS!!! >}

Beijocas Graaaaaaaaaaaaaaaaaandes n16*
Tânia
Voltar ao Topo Ir em baixo
Victoria Cullen Black
Na clareira com Edward e Bella
Na clareira com Edward e Bella


Idade : 20
Número de Mensagens : 63
Data de inscrição : 15/12/2011
Localização : Em La Push com Jake....

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Qui 22 Dez 2011, 16:57

Oi Vovo Esme

AMEIIIII O CAPPPPP!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

So to ansiosa pra saber se a Nessi ta GRAVIDA!!!!

Tudo indica q esta!!!!!!

Agora a vagaloba consigiu o q queria separar os 2!!!


XOXO Vic C Black
Voltar ao Topo Ir em baixo
Yasmim L
Conhecendo a história de Jasper
Conhecendo a história de Jasper


Idade : 21
Número de Mensagens : 371
Data de inscrição : 19/04/2010
Localização : Brincando com a "comida" nos becos de Volterra com Alec e Demetri... 666'

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Sex 23 Dez 2011, 20:12

Lembrando que ela é apenas uma humana, assim como nós
e
assim como nós....ficar ludibriada por um vampiro seria fácil...ainda
mais sendo um vampiro bonitão e você estando de coração
partido...
mas não é qualquer vamp eme... É O ALEC

amei o cap só dele to aki hiperventilando, segurando nas barras da cadeira babando pelo canto da boca.

qro mais qro mais qro mais..
a nessie da gravida? eu sabia!!!
isso q dá fazer sexo em todos os comodos da casa 666


e vcs são tudo umas fofas, já sentindo falta de blizzard.. me emocionam
calma gente... em fevereiro vcs vão matar a saudade
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.deciphermee.tumblr.com
Victoria Cullen Black
Na clareira com Edward e Bella
Na clareira com Edward e Bella


Idade : 20
Número de Mensagens : 63
Data de inscrição : 15/12/2011
Localização : Em La Push com Jake....

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Sex 23 Dez 2011, 21:31

Falo e disse Yasmim

Ainda nao acabei blizzard mas ja to sentindo saudade!!!!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Tânia
Conhecendo Edward
Conhecendo Edward


Idade : 28
Número de Mensagens : 32
Data de inscrição : 19/12/2011
Localização : Vila do Conde (Portugal)

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Sab 24 Dez 2011, 09:04

Meninas,

Desejo- vos um Bom Natal e um ano novo ainda mais feliz n*2

e que recebam muitos e muitos presentes. n*13

Beijocas Graaaaaaaaaaaaaaaandes n16*
Tânia
Voltar ao Topo Ir em baixo
Eme_Sra.Black
No baile de Fork's High
No baile de Fork's High


Idade : 31
Número de Mensagens : 179
Data de inscrição : 19/09/2011
Localização : Olhando o mar do penhasco em La Push...

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Sab 24 Dez 2011, 12:35

oi meu amoreeeessss.....oi lobas....oi vampira Mym...kkkkkkkkkkk...

PREVIA DE NATAAAAAAAAAL!!!!!!!!!!!!


"As roupas que Jane havia comprado pra mim eram lindas. Eu escolhi uma calça preta e uma blusa de lã. Me olhei no espelho e pela primeira vez eu percebi que o meu quadril estava mais largo um pouco, eu estava engordando com toda essa comilança em que o Jacob me viciou...

Eu respirei pesado segurando as lágrimas, olhei para o anel e lembrei de uma promessa que eu fiz para ele, que se eu visse o Alec novamente, eu ia ligar e avisar a ele na mesma hora....eu tinha jurado pelo anel...Beijei meu anel devotamente, não consegui mais conter as lágrimas pesadas que agora caíam insistentes em meu rosto.


– Me perdoa meu Jake...eu quebrei minha promessa. – falei chorando baixinho, com tanta dor em meu coração que eu achei que fosse desmaiar"



Meus amorrreeeesss...

FELIZ NATAL DA VOVÓOO!!!! n16*

Que Deus ilumine o coração de cada uma de vocês...
com muito amor e carinho!!! n*12

VOVÓ Eme já está com saudades....bjobjooooo...


n*10
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://cenografia3d.blogspot.com
Victoria Cullen Black
Na clareira com Edward e Bella
Na clareira com Edward e Bella


Idade : 20
Número de Mensagens : 63
Data de inscrição : 15/12/2011
Localização : Em La Push com Jake....

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Sab 24 Dez 2011, 13:56

GENTE FELIZ NATAL A TODAS!!!!!!!!!!!!!!!!!!!


n*10


Q triste a previa snif snif snif!!!!!!! Sad Sad Sad

XOXO Vic C Black
Voltar ao Topo Ir em baixo
Yasmim L
Conhecendo a história de Jasper
Conhecendo a história de Jasper


Idade : 21
Número de Mensagens : 371
Data de inscrição : 19/04/2010
Localização : Brincando com a "comida" nos becos de Volterra com Alec e Demetri... 666'

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Dom 25 Dez 2011, 21:29

isso lá é previa para se dar no natal? q triste chorei
qro ler mais alec eme... essa seria uma bela previa se tivesse o alec kkkkk
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.deciphermee.tumblr.com
saracullen
Sem Edward
Sem Edward


Idade : 23
Número de Mensagens : 208
Data de inscrição : 28/06/2011
Localização : coração de jocob em direção ao infinito

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Seg 26 Dez 2011, 07:34

muito louca a nezz, fiquei chocada com a decisão dela
meu Deus que menina corajosa.
e pobre do nosso caramelo como sera que ela tá
eu to sentindo uma falta inorme dele nessa fic
vovô eu tó amando cada pedacinho novo da sua fic
por mim ela não acabaria nunca.
eu fiquei muito feliz que me avisou que vai ter continuação
de blizard.
e tenho cernho certeza que essas novas coleginhas
tambem amaram a novidade
to muito feliz em saber que mais pessoas estão nos acompanhando
é maravilhoso ter pessoas novas aqui.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Yasmim L
Conhecendo a história de Jasper
Conhecendo a história de Jasper


Idade : 21
Número de Mensagens : 371
Data de inscrição : 19/04/2010
Localização : Brincando com a "comida" nos becos de Volterra com Alec e Demetri... 666'

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Seg 26 Dez 2011, 18:08

vdd néah sara.. é tão bom ver pessoas novas lendo nossas fics.. fiko tão feliz

e a nessie foi corajosa msm.. virar cunhada da jane é dose
e pode continuar com a distãncia do dog da familia kkkkkkkkkkkkkkkkk
mais ainda estu curiosa pra saber se ele tá por volterra

eme posta issso logo menina
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.deciphermee.tumblr.com
saracullen
Sem Edward
Sem Edward


Idade : 23
Número de Mensagens : 208
Data de inscrição : 28/06/2011
Localização : coração de jocob em direção ao infinito

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Ter 27 Dez 2011, 06:42

CUNHADA DA JANE resumo PESADELO
muito mal a vovô deixando a nezz ir pra lá
com Alec, vcs viram o quanto ele ficou fofuxo
nesse cap passado, fiquei apaixonadinha por ele,
mas não largo meu lobinho, nem por um Alec fofuxo.


VOVÔ KD PREVIA TO CURIOSA VIU.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Eme_Sra.Black
No baile de Fork's High
No baile de Fork's High


Idade : 31
Número de Mensagens : 179
Data de inscrição : 19/09/2011
Localização : Olhando o mar do penhasco em La Push...

MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Ter 27 Dez 2011, 18:25

CAP. NOVOOOOOOOOOOOOO!!!!!!!!!!

BORA LER AÍ Q TAH FODYS!!!...
NOS VEMOS LÁ EMBAIXO!!!




Capítulo 18 – Volterra, Alec, uma parte de Jacob.



Pov Alec Volturi


Enquanto voávamos para Volterra, eu fiquei de longe a observando dormir, como era linda essa mulher, eu fiquei pensando em quanta sorte eu tive.

Primeiro quando eu contatei um amigo meu, Phelipe Mendez, ele era um cara reservado, mas muito inteligente e de poucos amigos, ele é um vampiro mais velho que eu eu, tem quase 300 anos, eu o conheci na Itália quando estava em um dos poucos serviços que fez para Aro, ele não gostava da corte Volturi, mas de mim ele gostava, viramos amigos. Phelipe tinha um dom muito especial, que Aro admirava muito, se ele se concentrasse, ele conseguia ouvir os pensamentos de qualquer ser (desde que tivesse mente pensável, como vampiros, lobisomens...entre outros), a uma distância absurda, mas antes, ele precisava ver a pessoa pelo menos uma vez, para poder ter acesso livre em sua mente.


Eu o contatei fazendo um acordo generoso com ele, uma quantia em dinheiro exorbitante, ele ia poder viver mais 10 anos no México (Seu país de origem) sossegado. Claro que ele aceitou minha oferta e quando ele chegou eu pude finalmente entender o que estava acontecendo naquela região da reserva. Aquele maldito alfa estava em uma encrenca, ele precisava contar a Renesmee sobre sua imortalidade e não conseguia achar um jeito, os anciãos da reserva já tinham dado o seu veredicto negativo e ele estava ferrado. Mulher nenhuma gosta de mentira e uma mentira dessas então, era só questão de tempo pro circo pegar fogo, quando na cidade eu consegui mostrar a ele quase todo o bando ele me disse uma coisa muito boa, tinha uma garota com a intenção de contar tudo para a Nessie, ela ia falar, estava apenas esperando o momento certo.


Me dei por satisfeito e dispensei Phelipe, nós tínhamos um relacionamento muito bom, esporadicamente nos falávamos, era bom ter amigos assim, influentes. E eu tinha vários, sempre tinha um vampiro ou outro me devendo favores, vampiros poderosos. Não só vampiros, eu conheci uma imensidão de seres mágicos, os humanos não fazem idéia do mundo em que vivem, assim que me tornei um, durante nossas viagens pelo mundo a serviço dos Volturi, ou em viagens pessoais, me deparei com muita coisa estranha.


Eu tenho um amigo vampiro brasileiro, que participou de algumas viagens pessoais minhas, meu amigo Luar, onde quer que fôssemos que sentíssemos um cheiro diferente, nós íamos lá, as vezes líamos algumas notícias de pessoas diferentes, nós íamos averiguar, nessas buscas, achamos coisas impossíveis, ou melhor, coisas que julgávamos impossíveis, por exemplo, eu conheci no mínimo uma meia dúzia de mutantes. Nós os chamamos assim, eles nada mais são do que seres humanos que nasceram evoluídos, que sofreram mutações, eles normalmente são nômades e vivem com medo da sociedade, se escondendo, com certeza é a sua fraqueza humana agindo, se fossem corajosos e resolvessem utilizar seus poderes de forma correta, procurando uns aos outros, se aliando, eles viveriam bem mais felizes. É...bons tempos.



Numa bela noite, eu estava sentado em um banco de praça, sentindo a leve brisa bater em meu rosto, eu estava em Seattle, fui me alimentar. Já estava saciado e parei para observar a noite, pensar na minha -sou bonzinho e não uso palavrões no fórum alheio- de vida fútil, eu queria muito mais que isso, eu estava cansado de viver essa mesmice, eu não era como a Jane, ela era tão feliz com nossa vida...mas eu não era, o vazio inútil de minha vida fez de mim um monstro, carente, onde preciso transar com uma mulher humana me utilizando de meu ímã vampirístico para ter alguém que me queira realmente ao seu lado. Era uma vida de FDP...eu precisava de fogo para viver....precisava me sentir vivo...de que servia a eternidade, se não dava para aproveitar.


Estava assim perdido em meus devaneios, quando passou por mim um bando de garotas conversando animadamente, tagarelando por assim dizer. Mas não foi isso que me chamou a atenção e sim um colar que uma loirinha estava usando. Era um pingente em formato de prisma, uma pedra grande e bem lapidada, pendurada em uma corrente de prata, era um colar antigo, eu senti a energia dele.


Automaticamente me levantei e sem perceber me encaminhei até o grupo que pararam de falar quando me viram se aproximando.


– Boa noite garotas, já não está um pouco tarde para as senhoritas estarem na rua? – eu perguntei com um tom muito convidativo...meninas nessa idade eram muito fáceis de manipular, pelo menos para um vampiro.


Elas riram.


– Imagina, a noite é uma criança. – falou uma delas.


– Hum, então gostaria de saber se a senhorita não quer dar uma volta pela praça e conversar um pouco. – falei me dirigindo a pequena loira com o colar, lancei meu sorriso simpático, precisava passar segurança.


A garota pareceu ficar sem graça, muito vermelha, mas fez um aceno positivo com a cabeça.


– Não se preocupem garotas, eu estarei logo ali com ela. – e apontei para um banco próximo, que ficava na praça bonita, toda iluminada.


Elas deram risadinhas, enquanto eu levava essa pequena inocente para o banco.


– Qual é o seu nome criança? – eu perguntei em tom paternal.


– Michelle......e.....o seu? – ela estava muito tímida ainda, mas eu precisa me apressar, enquanto ela ainda estava ali, eu precisava saber se minhas suspeitas eram verdadeiras, afinal, existem muitos colares com cristal por aí.


– Eu me chamo Alec...muito bonito o seu colar Michelle, quem deu ele pra você? – eu falava de forma calma, passando tranqüilidade para ela.


– Ah....ele....ninguém me deu não, eu o achei na floresta, enquanto fazia trilha com meu pai....eu fiquei imaginando quem poderia perder uma coisa tão linda assim......sabe...meu pai nem queria que ficasse com ele...disse que não era delicado pra mim – ela riu, um sorriso franco - Mas minha mãe deixou, ela disse que era bonito, ficaria bem em mim........ é lindo não é mesmo? – ela falou já aparentando mais calma, não estava mais tão tímida.


– Você estava fazendo trilha com seu pai e sua mãe? Aonde mais ou menos? É que eu adoro fazer trilha e acampar, se o lugar for legal, eu posso ir lá com meu pai também... – tentei dar um ar casual na frase, deixar parecer que eu era apenas um cara legal.


– Ah ta....bom, fica em Port Angeles, tem um rio lindo lá....e muita floresta, mas minha mãe disse que agora o pessoal tem visto muitos ursos, então ela achou melhor não irmos mais lá, sabe ainda mais com meu irmãozinho que ainda é pequeno..... eu fiquei um pouco triste, adorava ir pra lá, mas ela deve ter razão né....minha mãe sempre tem...– ela falou revirando os olhos e rindo em seguida...era uma graça de menina.


Mas agora eu já tinha a informação que eu queria, era esse o colar, finalmente eu o achei, agora era só mandar o colar para Aro e esperar uma chance para levar Renesmee.


Essa seria a hora em que eu arranjava uma desculpa qualquer, envolvia essa garota na minha névoa e me alimentava, deixando seu corpo inerte ali mesmo no banco, afinal, seu sangue era bem convidativo. Mas dessa vez...eu não queria...ela era tão pequenina e graciosa, loirinha, com nariz afilado e boca vermelhinha, devia ter o que....uns 15 anos no máximo, tinha um pai que acampava com ela, uma mãe que se preocupava e que sempre tinha razão e um irmãozinho pequeno...Olhei pra ela mais uma vez, enquanto ela me contava sobre seu último acampamento com sua família...não tive coragem, eu já havia me alimentado hoje, não precisava do sangue dela, ela era alguém com sentimentos, com amor, que tem uma família que a ama...eu nunca saberei o que é isso.


– Você me parece cansada Michelle, está com sono florzinha? – eu perguntei, enquanto lançava minha névoa e a via bocejar e sem agüentar mais, fechar os olhos, apoiar a cabeça em meu ombro e dormir como um anjo.


Com cuidado, eu retirei o colar do seu pescoço e o guardei no meu bolso. A deitei no banco com cuidado enquanto me levantava e me dirigia para suas amigas que estavam do outro lado da praça conversando com alguns garotos.


– Acho que a Michelle está muito cansada e precisa ir pra casa dormir, ela acabou dormindo no banco, liguem para os pais dela agora e peçam para levá-la, eles tem que manter a filha a salvo, em casa, é só uma linda menina, não deveria estar na rua. Eles sabem que ela está na rua? Essa hora? – eu perguntei e todas balançaram a cabeça negativamente. – Pois liguem agora, isso está errado, a rua é perigosa, vocês não fazem idéia dos monstros que vivem a solta, vocês são tão novas e lindas...pelo amor de Deus...criem juízo, com certeza os pais de vocês não sabem também...liguem agora. – eu falei mais uma vez, colocando a mão no rosto e balançando a cabeça negativamente enquanto esperava.


Num piscar de olhos não tinha mais nenhum garoto ali, uma delas pegou um celular e falou com o Sr. Shutzer...(deve ser o pai de Michelle) enquanto eu me afastava indo embora, com as garotas em total silêncio, me olhando com medo. Posso ter exagerado, mas esperei até que elas fossem embora, para eu seguir viagem.


O que será que deu em mim? Dei pra ter pena de humanos agora? Compaixão? Isso que eu senti? O que aquela menina tinha de diferente das que eu já matei?.. todas são humanas do mesmo jeito....ai ai....Renesmee realmente estava mudando minha forma de enxergar o mundo, mesmo sem saber, agora eu tinha enxergado um outro lado das minhas presas que eu não conhecia. O sentimento, o carisma, o amor.


Senti o colar pesar em meu bolso, cheguei em casa e avisei Aro que já estava em posse do seu tão precioso colar. Imediatamente Jane arrumou suas coisas e se foi.


Eu fiquei sozinho, esperando a hora certa....sempre de longe, sempre vigiando minha Renesmee. Quando finalmente, vi seu carro passando veloz pela rodovia, eu a ouvi soluçando, alguma coisa tinha acontecido e eu já sabia o que era. Fui em minha casa rapidamente, só para pegar meus pertences principais e segui para sua casa. Mas quando cheguei lá, ela já tinha saído. O rastro estava fresco e a segui com facilidade.


Quando a vi parar no hotel eu já sabia o que tinha acontecido, ela estava fugindo do que provavelmente ela teria descoberto. Esperei pacientemente, ela estava sofrendo, eu a ouvia soluçando...isso não seria boa hora de propor nada. Ela saiu de novo, foi ao aeroporto, comprou passagens para Nova York, não tive escolha...teria que falar com ela hoje mesmo, ou então ela ia embora. Eu ia convencê-la, estava fora de cogitação levá-la a força. Nunca forcei mulher nenhuma a nada, ela não seria a primeira. Eu estava apaixonado, eu a queria da melhor forma, mas ela me aceitando e não de qualquer jeito, uma vez eu cogitei isso mas não falava sério...eu nunca iria forçá-la a nada.


Quando entrei em seu quarto, ela estava dormindo, eu esperei, não demorou muito para ela acordar. Nós conversamos bastante, era realmente aquilo que eu imaginei que tinha acontecido, ela tinha descoberto tudo.


Mas o engraçado foi que eu pensei que eu fosse ficar feliz quando isso acontecesse, ela ia descobrir, ficar revoltada, eu ia aparecer, ela ia me ouvir e ficaríamos felizes juntos....mas não....não foi assim...me senti muito mal quando ela começou a chorar me contando o quanto o amava, o quanto o tinha se entregado a ele. A forma como ela falava, com tanto amor e devoção, eu imaginei o quanto devia estar custando pra ela dar a ele a chance de ser o guardião sem que ambos sofressem, estava custando sua própria felicidade, ela estava abrindo mão de ser feliz por ele, eu nunca vi isso no meu mundo. Somos tão egoístas, possessivos e manipuladores, nós nada mais somos do que caçadores em busca de uma presa, em busca de dinheiro, em busca de respeito...nunca sacrificaríamos nossas felicidades pela de ninguém, principalmente de outra espécie. Mas os humanos não, eles se entregam, de corpo e alma e amam loucamente e as vezes são tão altruístas....já vi isso muitas vezes, em filmes, em histórias, na vida real....eu acho que preciso rever meus conceitos.


No fim ela chorou em meus braços, mas logo se afastou franzindo o nariz, não entendi isso.....mas eu também achei estranho, o cheiro dela estava um pouco diferente...não mais tão cheiroso...deve ser porque ela anda passando muito tempo com os malditos lobos. Isso não seria problema, logo ela seria transformada e seria minha vampira, linda e cheirosa pela eternidade.


Agora eu estou aqui, vendo-a dormir nesse avião, enquanto chego em Volterra, com o meu maior prêmio, uma futura esposa.



Pov Renesmee


Quando nós chegamos ao pequeno aeroporto de Volterra, que nada mais era do que um aeroporto particular dos Volturi (tinha uns três jatinhos estacionados), eu percebi que tinha uma limusine preta parada e a Jane do lado de fora do carro com uma sacola enorme nas mãos. Ela veio em nossa direção com um sorriso lindo apertando Alec num abraço.


– Meu irmão....que saudade de você, achei que fosse demorar uma eternidade pra voltar, fiquei tão feliz com sua ligação... – ela disse o abraçando novamente.


– Oh maninha, obrigada...eu também estava com saudades de você. – Alec ria todo feliz em ver sua irmã loira bonitona.


– Ah...eu trouxe as roupas de humanos que você pediu no telefone, acabei de comprar, toma, vá se trocar se você quiser – ela disse me entregando uma sacola cheia de roupas com uma cara azeda. Acho que Jane nunca vai gostar de mim.


– Hum, obrigada – Foi só o que eu consegui dizer.


Jane também tinha olhos vermelhos, não estavam mais disfarçados, ela também usava as roupas pretas com uma capa de capuz num veludo preto também muito bonito. Quando nos encaminhávamos pro carro, eu tremi de frio e ao mesmo tempo minha barriga roncou alto.


– Acho que a humana precisa de comida – Jane falou em um tom mal humorado.


– mia principesa, você precisa se alimentar, porque não vai até o toalete, troca de roupa e saímos para jantar? – ele perguntou chegando muito perto, me embrulhando o estômago.


– Claro...- eu dei um sorriso fraco – depois dessa roncada do meu estomago não tinha como disfarçar. – ele riu também.


– Jane, eu vou ficar com o carro, pode ir sem ele querida? – ele perguntou pra Jane, enquanto me levava para próximo ao toalete.


– Claro, eu vou indo na frente então. – e sumiu num instante.


As roupas que Jane havia comprado pra mim eram lindas. Eu escolhi uma calça preta e uma blusa de lã. Me olhei no espelho e pela primeira vez eu percebi que o meu quadril estava mais largo um pouco, eu estava engordando com toda essa comilança em que o Jacob me viciou...

Eu respirei pesado segurando as lágrimas, olhei para o anel e lembrei de uma promessa que eu fiz pra ele, que se eu visse o Alec novamente, eu ia ligar e avisar ele na mesma hora....eu tinha jurado pelo anel...Beijei meu anel devotamente, não consegui mais conter as lágrimas pesadas que agora caíam insistentes em meu rosto.


– Me perdoa meu Jake...eu quebrei minha promessa. – falei chorando baixinho, com tanta dor em meu coração que eu achei que fosse desmaiar.


Me sentei em um banco que tinha ali no banheiro. Eu estava muito zonza, respirei com dificuldade. Essa tensão toda estava me matando, me olhei no espelho e vi minha cara de acabada, como Alec se sujeitaria a ficar com alguém assim, com a esperança de que com a eternidade eu esquecesse o meu lobo. Seria bem difícil, Jacob estava em cada parte do me ser.


Saí do banheiro e me encaminhei pro carro onde Alec já me esperava.


– Tenho uma ótima notícia, assim que chegarmos, você vai descansar e amanhã logo pela manhã nós vamos nos reunir com os três mestres, Aro, Marcus e Caius, para que eles a conheçam, ainda humana, Aro quer ver todos os seus pensamentos antes de transformá-la....quando for a noite, será feita a sua transformação e eu mesmo vou fazer. – ele falou com muita felicidade, com um sorriso bonito e alegre enquanto o carro andava cada vez mais veloz.


O caminho todo, ele foi me explicando os poderes do seu tal mestre Aro e falando sobre os outros dois, dos poderes de cada um deles, ouvi alguns nomes novos e ouvi também sobre sua irmã e seu dom, fiquei com mais medo dela do que já tinha antes. Paramos em um restaurante muito bonito, ele pediu licença e tirou da mochila uma caixinha com lentes e as colocou, dando um tom escuro quase normal, ao seu olho.

A comida estava deliciosa, esqueci imediatamente da dieta que eu ia começar a fazer após averiguar meu quadril um pouco mais largo. Nós conversamos enquanto eu me acabava de comer, ele ficou apenas me olhando e fingindo que beliscava um pão com azeite. Me falou que comida humana pra ele era como comer areia ou papelão...muito ruim mesmo. O máximo que ele comia sem querer se enforcar era um bife muito mal passado. Eu ri com ele me contando suas peripécias com comida e bebida.


Nós fomos embora do restaurante e eu me assustei quando nós entramos em um discreto portão e nos deparamos com um hall de entrada fantástico. Do lado de fora, era tudo muito discreto, mas lá dentro era bonito demais. Alec me levou até onde seria meu quarto, o lugar era lindo, tudo muito clássico, parecia que eu estava entrando em um quarto do rei Luis XV, tudo de muito bom gosto, mas também tudo muito valioso e antigo. Minha cama tinha um dosel branco maravilhoso, um guarda – roupas antigo, com detalhes de flores desenhados na madeira. Me encaminhei para o banheiro, enchi a banheira com água quente, entrei e fiquei ali, chorando.....me permitindo ficar triste novamente, o quanto eu quisesse chorar, até sentir que a água estava esfriando.


Abri a minha sacola de roupas que a Jane trouxe e percebi que tinha uma camisola, a vesti e fui me deitar, o cheiro do quarto não era o melhor de todos, mas também não estava fedendo. Qual o problema dos vampiros para escolher perfumes?


Na manhã seguinte eu levantei exausta, não consegui dormir direito, eu tive um monte de sonhos estranhos com lobos e crianças tinha até um bebê que eu lutava para salvar de algo que estava nos perseguindo...credo. Me encaminhei pro banheiro para fazer minha higiene, peguei minha escova que eu tinha na bolsa com a minha pasta de dente, resolvi tomar um banho, quando voltei peguei mais uma roupa na sacola e coloquei, essa casa era fria então coloquei a blusa de lã novamente e um segundo depois que eu tinha me vestido Alec bateu na porta.


– Bom dia principesa....como passou a noite? – ele perguntou com um sorriso


– Bem, eu ando um pouco nervosa então...sei lá...tive uns pesadelos. – eu dei de ombros.


– Ahh...isso tudo vai acabar....hoje a noite, você vai ser levada para uma vida sem sofrimentos...está bem? Com quase nada de lembranças humanas, você nunca mais terá pesadelos....você nem vai mais sentir sono...nunca mais...você nem sequer vai sentir a diferença entre a sua pele e a minha, seremos da mesma temperatura. Você vai ser muito feliz Renesmee...eu prometo. – ele beijou a minha mão...franzindo um pouco o nariz.


– Vamos...Aro está ansioso para conhecê-la.


Quando eu entrei naquela sala imensamente ampla, com três tronos e três homens sentados, com mais um monte de outros vampiros na sala, eu quase desmaiei, o cheiro ruim que invadiu meu nariz me fez ficar zonza, minha narina ardeu ferozmente.


– Sim, sim...finalmente nos conhecemos senhorita Renesmee, eu sou Aro Volturi e essa é minha família, já que em breve você vai participar dela, pois nosso querido companheiro Alec a escolheu como esposa – ele riu – Esse Alec sempre me surpreende. Vamos meus companheiros, cheguem mais perto, vamos conhecer a noiva de Alec.


De repente um monte deles estava perto de mim, sentindo meu cheiro, aquela aproximação desse monte de vampiros me fez arfar. Ao mesmo tempo em que Aro pegava em minha mão acho que para ver as minhas lembranças.


Essa loucura toda mexeu com meus ânimos, eu senti uma fúria dentro de mim, uma raiva imensa, nem sei exatamente pelo quê, saiu um rosnado da minha garganta, enquanto me afastava com rapidez para um canto – What? Como eu fiz isso? Que rosnado é esse? – Aquele cheiro ardido no meu nariz, eu me senti acuada e fiquei em posição de defesa, enquanto todos me olhavam com cara de espanto. Aro de longe me observava abismado, estava com aquela cara desde que pegou em minha mão.


Todos estavam parados esperando uma ordem de um dos três, enquanto eu olhava de um lado para outro desesperada, como uma fera enjaulada, pronta para atacar. Alec se aproximou em desespero, enquanto eu mostrava os dentes.


– Renesmee....o que está acontecendo???....Porque você está agindo assim?? Calma.....eu não vou te machucar....sou eu...o Alec... – Ele falava enquanto se aproximava.


Eu rosnava pra ele, muito alto.


– Fica longe de mim... – eu falei entredentes.


– Calma...eu não vou te machucar.. – ele falou se aproximando e quando ele fez menção em me tocar, eu agarrei seu pulso com força e o empurrei.


– Ela.....ela está muito quente mestre....está fedendo também....e está ....forte... – ele falou olhando para Aro enquanto segurava em seu pulso, como se tivesse doído o aperto que dei em seu braço.


– Alec....apague ela....deixe-a dormir....nós precisamos conversar. Alec, me recuso a creditar que você me trouxe a mulher de um lobo alfa....seu imbecil inconseqüente...e ainda por cima...grávida... para dentro dessa casa – ele balançou a cabeça negativamente – ANDA...deixe-a inconsciente......algum de vocês – ele falou gesticulando para o resto das pessoas – Tragam Dr. Isaac, é o único médico que confio, preciso saber se minhas suspeitas estão corretas...RÁPIDO.. – ele ordenou e rapidamente um vaivém de pessoas começou, assim como um murmurinho geral.


Minha cabeça estava confusa....era isso mesmo que eu tinha ouvido? Eu estava grávida?....Não tive tempo de pensar...de tentar entender, o sono tomou conta dos meus nervos me deixando mole, enquanto eu via a ultima imagem antes de apagar...um Alec perplexo, com olhar triste.......muito triste
_____________________________________________________________

WOW.....mta coisa rolando ao mesmo tempo hein!!!

Quem tah com saudade do caramelo levanta a maozinha p/ vovó!!!! cheers
kkkkkkkkkkkkkkkkkk

Menos a Mym...claro!!! Laughing

Gostou desse montão de Alec nesse cap. netinha do mal?
kkkkkkkkkkkkkkkkkkk....amo vc tbm
e aí meninas....sarinha, Vic, tania....gostaram?
mto triste?
mto esquisito?
kkkkkkkkkkkkk........AMOOOOooooOOOOooooOOOOo....

bjo bjos amoreeessss.....

amanhã vou ver se posto logo uma prévia....só adianto uma coisinha...

POV EDWARD CULLEN!!!!! Shocked
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://cenografia3d.blogspot.com
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia   Hoje à(s) 09:14

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
FANFIC - Jacob e Nessie - Sol do Meio Dia
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 6 de 13Ir à página : Anterior  1, 2, 3 ... 5, 6, 7 ... 11, 12, 13  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Fanfic - De Deus A Semideus
» [Fanfic] - O Traidor
» Inscrições pra minha fan fic
» O Meio-Sangue Filho de dois deuses
» A vida de um meio sangue.

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Doce Vampiro :: FORKS NEWS :: FanFics-
Ir para: